Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Por que tanta gente quer rever Sandy e Júnior juntos?

Venda de ingressos para o retorno da dupla se esgotou em tempo recorde. A turnê Nossa História passa por BH no dia 17 de agosto.

Gostou? Compartilhe!

Desde que Sandy e Júnior anunciaram o retorno na esperada turnê comemorativa tenho me surpreendido. Muitas pessoas – muitas mesmo – de grupos sociais diferentes me perguntam sobre os ingressos, sobre o show. Gente, que comoção é essa??? Faz lembrar o alvoroço que foi o anúncio do primeiro show de Paul McCartney em BH. Ok, acho que exagerei um pouco na comparação mas a vibe é semelhante. A turnê Nossa História passa por Belo Horizonte no dia 17 de agosto, na Esplanada do Mineirão.

Pois é, a enorme procura fez com que a produção anunciasse a troca do local do show antes mesmo de iniciar a venda dos ingressos. Sai Mineirinho e entra esplanada do Mineirão. Sinceramente, não sei se isso é bom ou ruim. Vai ficar mais apertado, todo mundo em pé. Ou melhor, a galera vai é pular mesmo. Antes de mais nada, é neste link aqui que você consegue garantir o disputado ingresso.
Se você quiser saber mais curiosidades sobre a turnê, se joga nessa matéria bem completa produzida pelo UOL. Pois bem, como todo esse fuzuê me surpreende, tentei encontrar algumas razões para tanta procura. Vamos lá? Veja se concorda comigo.

Saudade

A palavra exclusiva da língua portuguesa é a que melhor define a situação. Se são 30 anos desde a primeira apresentação da dupla com Maria Chiquinha no programa apresentado por Lima Duarte, já fazem 12 que eles anunciaram a pausa na dupla. Ok, nem faz tanto tempo assim mas parece doer o vazio que os fãs demonstram. É muito amor!!

A independência chegou

Atualmente Sandy tem 36 anos e Júnior, 34. Vamos combinar que a virada dos 20 para os 30 costuma acontecer muita coisa na vida da gente. Tanta coisa que o tempo parece passar mais rápido. As pessoas casam, as vidas profissional e financeira se transformam e, de repente, o reencontro com os ídolos da adolescência reforça a sua independência. Sabe aquela coisa de ter que pedir autorização para os pais além da grana comprar o ingresso? A fase é outra, os dramas são diferentes. Tanto que tem gente que vai precisar de pedir para que eles fiquem com os netos. Aí já são outros 500!
Foto: Francisco Cepeda / Divulgação.

Música é perfume

Batizada de ‘Nossa História’, a turnê comemorativa terá vasto repertório de hits. Os fãs, inclusive, vão participar da escolha. Quando você passa (Turo-turo), As quatro estações, A lenda, Vamo Pula!, Acho que pirei são exemplos de canções que embalaram muita paixonite adolescente. Aí, como diz Maria Bethânia, música é perfume. Em geral, voltam as boas lembranças. Mesmo que o corpo esteja mais maduro, o desejo da alma é mesmo de embarcar no túnel do tempo.

Chance de viver e reviver

Se a galera que já passou dos 30 espera ansiosamente para reviver clássicos musicais da adolescência, Sandy e Júnior tem uma outra geração de fãs que nunca teve a chance de vê-los juntos ao vivo. Sim, porque os vídeos da dupla bombam no YouTube. Por exemplo, quem tem 20 anos hoje, tinha 8 quando a dupla anunciou a pausa. Ou seja, expectativa represada.

Carreiras solos mornas

Por mais que Sandy e Júnior tenham se mantido musicalmente ativos, nenhuma das duas carreiras solo atingiu a força da dupla. Como intérprete, Sandy ousou pouco. Gravou cinco discos. Apenas no último, Nós voz eles (2018), buscou encontros desafiadores. Junior, por sua vez, levou adiante a carreira de produtor musical, explora o amplo universo da eletrônica com o projeto Minimal mas nada que fizesse tanto barulho. A força deles está no encontro.

 

Foto: FRANCISCO CEPEDA/AGNEWS

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]