fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Bia Lessa dirigirá Macunaíma com Cia Barca dos Corações Partidos

Por Thiago Fonseca *

30/10/2018 às 10:18 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Foto: Igor Oliveira / Divulgação

A companhia Barca dos Corações Partidos vai montar Macunaíma com direção de Bia Lessa. Foi o que revelou Alfredo Del Penho e Renato Luciano, em entrevista ao Culturadoria. Eles estão em cartaz em Belo Horizonte com o espetáculo ‘Suassuna – O Auto do Reino do Sol’.  A montagem tem previsão de estrear em março de 2019, no Rio de Janeiro.

“Decidimos fazer o texto e pensamos em fazê-lo com Cacá Carvalho. Mas, depois de discutir, chegamos a conclusão que a Bia seria uma boa opção. Isso pela linguagem de teatro dela que a gente nunca frequentou. Fizemos o convite e ela aceitou.”, conta. O texto de Macunaína é Mário de Andrade com adaptação de Verônica Stigger. O espetáculo terá direção musical de Alfredo Del Penho e Beto Lemos. A idealização e direção de produção é de Andréa Alves.

Clássico

Ainda segundo Alfredo, Macunaína significa muito para o grupo e além de ser uma das obras mais importantes da literatura brasileira. “Olhar para aquela obra é saber que é uma referência para o Brasil, para o cinema, literatura e o teatro. Uma das peças mais emblemáticas. A literatura é uma paixão dos integrantes do grupo. Estamos muito felizes”.

Quem conhece a companhia e os trabalhos de Lessa pode esperar coisa boa pela frente. Ainda mais aliado ao texto de Mário de Andrade. Macunaíma foi publicado em 1928, é considerado um dos principais romances modernistas do país. A obra é um fragmento de poema sobre a formação do Brasil, em que vários elementos nacionais se cruzam numa narrativa que conta a história de Macunaíma, o herói sem nenhum caráter.

Bia Lessa é uma das mais consagradas diretoras de teatro do Brasil. Dirigiu recentemente ‘Grande Sertão: Veredas’. Ainda soma no currículo direção de vários espetáculos e shows de Maria Bethânia. A companhia Barca dos Corações Partidos nasceu depois da montagem do musical “Gonzagão – A Lenda”, no ano de 2012. Depois disso, embarcou em vários outros espetáculos recebendo diversos prêmios, como por exemplo, o Shell.

Confira a entrevista

[youtube modulo=”2″]9ke8FP5sDak[/youtube]

 

Continua após a publicidade...

photo

[Crítica em Diálogo] Insetos: um olhar irônico sobre a sociedade

A montagem que comemorou os 30 anos da Cia dos Atores esteve em cartaz em Belo Horizonte entre os meses de setembro e outubro. Dando continuidade ao projeto de buscar um diálogo crítico com os artistas de teatro, convidamos os integrantes do grupo a responder o texto crítico. Assim, acreditamos colaborar para o desenvolvimento, inclusive, […]

LEIA MAIS
photo

Confira as dicas para o seu fim de semana: 3 de maio

A música é o grande destaque desse fim de semana. Enquanto os cinemas estão lotados com a chegada de Vingadores: Ultimato no último dia 25, os shows não param. Dentre as atrações, Guilherme Arantes, Geraldo Azevedo, Biquíni Cavadão, um lançamento do CD de Fabiana Cozza em homenagem a Dona Ivone Lara e duas atrações diferentes: […]

LEIA MAIS
photo

Radionovela: iniciativas digitais revivem formato que foi sucesso no rádio

Os podcasts estão cada vez mais populares. E, antes, o que tinha o caráter mais informativo, abriu espaço para outros formatos, como os bate-papos, leituras, programas de entrevistas e para a dramaturgia, como é o caso da radionovela. Exemplo disso é a áudio série de ficção Sofia, lançada recentemente pelo Spotify no Brasil. A produção […]

LEIA MAIS
photo

Dia do Cantor Lírico: artistas comentam desafios da profissão

Cinquenta anos da vida de Vanya Soares, de 73, foram dedicados ao canto lírico. Meia vida da Melina Peixoto, de 36, e do Pedro Vianna, de 30, também. O dia 22 deste mês será especial para eles. Na data é celebrado no Brasil o dia do cantor lírico. O gênero surgiu na Grécia antiga, antes […]

LEIA MAIS
photo

Como começar a ler poesia na internet?

A poesia é um gênero literário que pode intimidar, causar receio e até ser rejeitado por algumas pessoas, já que tem muitas complexidades, estilos e formas. Mas o fato é que ela está em diversos lugares, como na música, no teatro, no cinema e também nas redes sociais. Vai dizer que nunca viu um verso […]

LEIA MAIS
photo

O que a série Normal People tem para fazer tanto sucesso?

Não sei isso é normal, gente, mas logo depois de maratonar em um único dia os 12 episódios, de cerca de 30 minutos cada, de Normal People me deu uma saudade de Marianne (Daisy Edgar-Jones) e Connell (Paul Mescal). Foi estranho, reconheço. Mas talvez a conexão que os protagonistas conseguem estabelecer com o espectador explique […]

LEIA MAIS