fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Clubhouse e o futuro do áudio na comunicação

Aplicativo que está disponível apenas para iOS, tem como base interações apenas por áudio e em tempo real

Por Jaiane Souza *

15/02/2021 às 11:05 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Foto: Jakub Porzycki / NurPhoto / Getty Images

Com certeza você deve ter visto e ouvido falar do Clubhouse, nova rede social sensação do momento. O sucesso aumentou principalmente depois de nomes como Elon Musk, Oprah Winfrey e até o Boninho aderiram ou participaram de conversas dentro da plataforma. No começo de fevereiro, por exemplo, a busca pelo termo no Google subiu mais de 500%, mesmo o aplicativo estando disponível apenas para iPhones. 

O app foi criado pelo ex-funcionário do Google Rohan Seth e pelo empresário do Vale do Silício Paul Davidson em 2020, mas só fez sucesso neste ano. Funciona assim: é uma rede social só de áudios, dividida em salas de bate-papo temáticas com duração pré-determinadas. Além disso, há a possibilidade de criar salas com temas livres. Cada sala permite, no máximo, cinco mil pessoas e um moderador controla quem vai falar à medida em que os usuários solicitam ou libera geral. 

Ok! Mas o que isso tem a ver com comunicação? Tudo! Cada vez mais o aplicativo desperta interesse e as pessoas estão em busca de novas possibilidades nas redes sociais. Além disso, o aplicativo abre mais perspectivas quando o assunto é comunicação e audio. Vide o sucesso dos podcasts.

Comunicação em tempo real

O primeiro diferencial é a comunicação em tempo real, na hora. Não é como o WhatsApp, por exemplo, que é possível acessar o histórico para ver o que rolou anteriormente. Se você não estava na sala no momento da conversa, perdeu. O Clubhouse não mantém as conversas armazenadas dentro da plataforma, além de não haver opção de gravação. É como se fosse uma conferência ou um podcast ao vivo.

Preenchimento de lacuna

Os podcasts estão bombando nos últimos anos e quem pensou que esse era o ápice da comunicação atual por áudio, foi surpreendido. Outra vantagem do Clubhouse é conversar sobre qualquer assunto a qualquer hora. Basta ter outras pessoas também interessadas no tópico. Então, o Clubhouse pode ser utilizado para preencher a lacuna deixada pelos podcasts. Já que eles despertaram a vontade das pessoas de também falarem. 

Plataforma para networking e troca de experiências

Uma vez que o usuário entra no aplicativo ele pode pedir para participar de qualquer sala. Ou seja, tem acesso a uma infinidade de pessoas e pode encontrá-las a partir de interesses específicos. É a oportunidade de encontrar quem não teria contato normalmente. Além disso, artistas, empresários, profissionais e outras personalidades estão acessíveis. O poder do networking para além do entretenimento de uma rede social é real. 

Possibilidade de inovação para veículos, empreendedores e influenciadores

Além do networking, o outro lado também pode se beneficiar. Quem está buscando crescimento nas redes sociais, engajamento e mostrar autoridade sobre uma área, essa pode ser uma alternativa interessante. Diversos influenciadores e especialistas em marketing, por exemplo, já estão nesse caminho, difundindo conhecimento e técnicas para milhares de pessoas. Aliás, ainda dá para linkar o perfil do Instagram ao Clubehouse e colocar uma biografia. A ideia é usar todos os recursos a seu favor.

Por fim, vale destacar que o Clubhouse, com todas as suas vantagens, ainda é um aplicativo nichado. Ou seja, até o momento só está disponível para iPhone e só entra quem tem um convite. Os criadores disseram que “em breve” chega para Android. Sendo assim, resta aguardar o que vem por aí.

 

Clubhouse

Pint das telas iniciais do aplicativo Clubhouse

photo

O mez da grippe: Parece 2020, mas é 1918

Um homem eu caminho sozinho nesta cidade sem gente as gentes estão nas casas a grippe (O mez da grippe, p. 9)   Uma cidade sem gente. O governo solicita que sejam evitadas as aglomerações. Cinemas e “outras casas de diversão” estão temporariamente fechados. Não visite seus amigos, permaneça em casa. Proibido o acompanhamento de […]

LEIA MAIS
photo

Malcolm & Marie: uma DR sem fim, até com os críticos de cinema

A melhor definição de Malcolm & Marie está em um comentário no Letterboxd, espaço na internet para quem gosta de cinema. “Se História de um casamento fosse uma propaganda da Calvin Klein”, publicou uma usuária de nome Tara. Na mosca para definir o novo filme dirigido por Sam Levinson, o criador de Euphoria, com Zendaya […]

LEIA MAIS
photo

Culturadoria e Esquema Novo lançam o podcast ‘Cinema, Etc…’

Falar sobre cinema sempre é um grande prazer. Quando a conversa é cercada de bons amigos, então, não tem como ser melhor. É por isso que o sorriso se abre de um canto ao outro da boca para anunciar o novo projeto do Culturadoria em parceria com o Esquema Novo de Fernanda Ribeiro, Rodrigo James […]

LEIA MAIS