fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Projeto mapeia lugares turísticos inusitados em Belo Horizonte

Separamos cinco espaços da seleção do Visite Belo Horizonte para você conhecer

Por Thiago Fonseca *

13/10/2020 às 09:11 | * Escreveu com a supervisão de Carolina Braga

Publicidade - Portal UAI
Foto: Leo Fontes / Divulgação

O projeto Visite Belo Horizonte teve que migrar para o digital em 2020. Sendo assim, na quarta edição, criou um vídeo sobre lugares turísticos inusitados em Belo Horizonte. O material percorre e apresenta 15 espaços da cidade que muitas das vezes passam despercebidos aos nossos olhos.

Tem o cemitério do Bonfim, Feira dos Produtores, Bares do Santa Teresa, Estátua do Cristo, o MUQUIFU, Independência, Museu da Inquisição, MUMO, Imagem de Iemanjá, Cemitério Israelita, Igreja de São Judas Tadeu, Mirante da Sapucaí, Igreja de Padre Eustáquio, Casa Santíssima Trindade e, por fim, o Mirante Belvedere. Eles foram escolhidos para dar uma nova experiência ao turista a partir do olhar do morador.

Dos espaços escolhidos pela Belo Horizonte Convention & Visitors Bureau, separamos cinco que você deve conhecer. Eles chamam a atenção pela característica e vai te mostrar uma outra BH. É para você que busca um programa diferente. Se você não puder ir nos espaço, veja o vídeo. 

Estátua do Cristo, no bairro Milionários

Foto: Arquivo da Regional Barreiro / Divulgação

Não é preciso ir para o Rio de Janeiro para tirar uma foto com uma estátua do Cristo. Em BH há uma réplica. Ela foi construída em 1956, na rua Dona Lalá Fernandes com Rua Mannes, no bairro Milionários. Tem 11,8 metros de altura. Só a cabeça, chega quase aos dois. Foi idealizada pelo engenheiro Mozar Moreira da Silva. Já as mãos e a cabeça foram esculpidas por João Scuotto. O espaço é uma opção para observar parte da cidade. Para visitar o monumento é só chegar. 

MUQUIFU

MUQUIFU - Foto: Acervo da Secretaria Estadual de Cultura / Divulgação

O MUQUIFU é o Museu dos Quilombos e Favelas Urbanos. O espaço abriga obras que resgata a história e os costumes de moradores da Vila Estrela/Santo Antônio, no aglomerado Santa Lúcia. Lá, o visitante encontra fotografias, objetos, imagens de festas, celebrações e histórias. Todo o material pertencia aos moradores de favelas e quilombos do estado de Minas Gerais. O local está fechado por conta da pandemia mas segue com programação nas redes sociais

Museu da Inquisição

Foto: Arquivo do Museu da História da Inquisição/ Divulgação

Museu, que fica no bairro Ouro Preto, é o único no país sobre o tema. Conta a história de um período perseguição e assassinatos feitos a mando da igreja em Minas Gerais e no mundo. Por lá é possível encontrar 350 livros e 150 objetos. Por exemplo, réplicas de instrumentos de tortura, roupas da época, painéis e pequenas preciosidades. O espaço está fechado por conta da pandemia, mas antes as visitas eram de 3ª a 6ª feira. 

Mirante Belvedere

Foto: Túlio Santos / Divulgação

O mirante fica na rua José Maria Alkimim, no bairro Belvedere. É um lugar informal na cidade.  Por lá é possível encontrar pedras enormes onde o visitante pode sentar e observar a paisagem. Dá para ver toda a parte baixa da capital mineira. Excelente opção para ver o pôr do sol, fazer piquenique e tomar um ar fresco. Durante o isolamento social o espaço segue aberto, mas é preciso seguir normas de segurança, por exemplo, o uso de máscaras. 

Cemitério do Bonfim

Foto: Amira Hissa / Divulgação

Localizado no bairro Bonfim, região Noroeste da capital mineira, o cemitério é o mais antigo da cidade. Visitar o espaço pode ser até estranho, mas é uma verdadeira aula de e arquitetura, arte e história. Lá estão enterradas diversas personalidades que fizeram parte da construção e história da cidade. Por exemplo, Olegário Maciel, Raul Soares e Octacílio Negrão de Lima. Tem muitas imagens de santos, arquitetura moderna, Art déco e barroco. Para visitar o espaço não é preciso marcar. 

photo

Conheça produtos para crianças criados por artistas da música

Que a maioria dos artistas são versáteis não há dúvidas. Pensando musicalmente, eles interpretam diferentes ritmos, canções etc. Entretanto, muitos deles também se aventuram e criam até produtos para crianças, seja para passar um recado, experimentar. Ajudar a desmitificar padrões, tabus ou defender causas. Por isso, aqui vão cinco dicas de artistas da música da […]

LEIA MAIS
photo

Conheça Louise Glück, vencedora do Prêmio Nobel de Literatura 2020

“Por sua inconfundível voz poética que com austera beleza torna universal a existência individual”.  Foi essa a justificativa do júri do Nobel de Literatura para premiar Louise Glück em 2020. Aos 77 anos, além de poetisa, Glück é professora na Universidade de Yale, nos Estados Unidos. Já é reconhecida como uma das poetisas mais importantes […]

LEIA MAIS
photo

“Estamos num momento onde a religião se tornou uma arma política”, diz Fabiana Cozza

Ancestralidade negra, ameríndia e principalmente o sagrado são temas do disco Dos Santos, novo trabalho de Fabiana Cozza. Ela participou do Show da Tarde, que vai ao ar todas as quartas-feiras no Instagram do Culturadoria, e contou mais sobre o oitavo disco da carreira. “É um disco das brasilidades, que fala muito da cultura de […]

LEIA MAIS