Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Festejo do Tambor Mineiro ocupa Funarte MG neste domingo

Gostou? Compartilhe!

A nova edição do Tambor Mineiro, que terá início às 10h, mas seguirá pela tarde, receberá a convidada especial Nilze de Carvalho

O Festejo do Tambor Mineiro ocupa, neste domingo, dia 20, a sede da Funarte MG. Os portões do evento, que terá, nesta edição, a presença da cantora Nilze de Carvalho, que se apresentará ao lado de Maurício Tizumba, serão abertos às 10 horas. Neste momento, serão recebidas as Irmandades do Rosário, em um momento de celebração da cultura reinadeira. Ao todo, serão dez guardas, entre moçambiques, congos e caboclos. São oriundas não só de Belo Horizonte, como do interior do estado. Na parte da tarde, o público poderá conferir apresentações e cortejos de grupos percussivos e shows com artistas referência da cultura afro.

Criado em 2002 pelo cantor, compositor, multiinstrumentista e congadeiro Mauricio Tizumba, o Festejo do Tambor Mineiro é uma das mais tradicionais e celebradas festas da capital mineira. Suas últimas três edições, em virtude da pandemia, foram realizadas virtualmente, sem a presença de público.

Depois da pandemia, o Tambor Mineiro volta a ter o festejo presencial (Netun Lima/Divulgação)
Depois da pandemia, o Tambor Mineiro volta a ter o festejo presencial (Netun Lima/Divulgação)

Para o centro do debate

Para Tizumba, o retorno do Tambor Mineiro a um espaço público é uma grande emoção. “Nós somos um povo de abraço, nós gostamos de toque, gostamos de dançar e rir junto”, diz o mestre. Ele lembra que a música de Minas Gerais traz, em seu DNA, a influência dos congados e reinados, dos batuques – ainda que boa parte das pessoas desconheça isso. “Anualmente, nas bordas da cidade, Irmandades do Rosário fazem seus festejos. Louvam Nossa Senhora do Rosário, agradecem a São Benedito a comida farta, em um ciclo de visitas mútuas que movimenta suas comunidades”.

Fé, tradição e cultura, tríade que caracteriza o Festejo do Tambor Mineiro (Netun Lima/Divulgação)

O Tambor Mineiro, assim, traz essa riqueza para o centro de BH. “Para o centro do debate. E não é porque as Irmandades precisam não, é o centro da cidade que precisa reconhecer suas raízes”, completa ele.

Momento fofura em uma das edições passadas do Festejo Tambor Mineiro (Netun Lima/Divulgação)

Em tempo: esta edição do Tambor Mineiro é realizada com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte. com patrocínio do UniBH, e da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais com patrocínio Cemig.

Festejo com Nilze de Carvalho

A multi-instrumentista Nilze de Carvalho, convidada especial do Festejo do Tambor Mineiro de 2023, está comemorando 40 anos de palco. Iniciou a carreira internacional aos 15 anos de idade, fazendo turnês por vários países. Em 2002, Nilze participou do show O Samba é a Minha Nobreza, de Hermínio Bello de Carvalho, e de Lembranças Cariocas, de Lefê Almeida. Ainda lançou o álbum “Estava Faltando Você”, pela gravadora Fina Flor. Com ele, foi indicada ao Prêmio TIM, na categoria Melhor Cantora de Samba. Seu mais recente trabalho, o álbum “Verde Amarelo Negro Anil”, foi indicado ao Grammy Latino 2015, na categoria melhor Álbum de Samba.

Programação Festejo Tambor Mineiro 2023

Manhã / Tarde

Primeiramente, Guarda de São Jorge de Nossa Senhora do Rosário (BH)

A segunda atração é a Guarda de Congo e Moçambique Treze de Maio de Nossa Senhora do Rosário (BH)

Guarda de Moçambique Nossa Senhora do Rosário e São José (BH)

Irmandade Os Carolinos (BH)

Irmandade de Ibirité (Ibirité)

Banda Dançante do Rosário de Santa Efigênia (Conselheiro Lafaiete)

Apresentação do Massambike de Nossa Senhora do Rosário (Juatuba)

Massambike de Nossa Senhora do Rosário (Oliveira)

Cortejo Massambike de Nossa Senhora das Mercês (Oliveira)

Guarda de Moçambique de Nossa Senhora do Rosário e Santa Efigênia (Ouro Preto)

Tarde / Noite

Roseane Corrêa

Bruno Messias e Bloco Saúde

Dibantu (Quilombo Manzo N‘gunzo Kaiango)

Cici Floresta e Bloco Encantado (Coletivo Couro Encantado)

Bloco Ori Samba (Casa Pai Jacob do Oriente)

Mauricio Tizumba e Grupo Tambor Mineiro com participação especial Nilze Carvalho-RJ

Bloco Tambor Mineiro e Bloco Tereza Beleza

Sérgio Pererê e Bloco Oficina Tambolelê

Serviço

Festejo do Tambor Mineiro 2023

Quando. Domingo, 20 de agosto, das 10h às 21h

Onde. Funarte MG (Rua Januária, 68, Floresta)

Entrada mediante a doação de 1 kg de alimento não-perecível (troca de alimentos por senhas na bilheteria, a partir das 9h30)

Sujeito à lotação

Classificação livre

Informações: www.festejo.art.br

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]