Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Projeto Sesc Arte Urbana convida artistas renomados para repaginar edifício no hipercentro de BH

Gostou? Compartilhe!

Por meio do Sesc Arte Urbana, Eduardo Kobra e o coletivo Minas de Minas irão criar obras de arte nas empenas da sede do Sesc em Minas

Por Caio Brandão | Repórter

Belo Horizonte é um local que avança mais e mais na assimilação da arte na paisagem da cidade. Nesse sentido, o projeto Sesc Arte Urbana chega para intensificar esse processo, convidando o renomado muralista Eduardo Kobra, que possui mais de 500 murais espalhados por todo o mundo, para erguer uma obra de arte em uma empena, de cerca de 935,98 m², no Edifício-Sede do Sesc em Minas, localizado na Rua dos Tupinambás, 908. Quando pronta, a obra poderá ser vista a partir da região da Rodoviária de Belo Horizonte.

Por meio do Sesc Arte Urbana, Eduardo Kobra e o coletivo Minas de Minas irão criar obras de arte nas empenas da sede do Sesc em Minas
Eduardo Kobra posando em frente à obra que elaborou em homenagem ao cantor Bob Dylan, em Minneapolis, EUA. - Foto: Bill Hickey

“Hoje, a cidade (Belo Horizonte) é uma das mais conhecidas do mundo em relação à street art, com certeza. Eu não vi tudo pessoalmente, mas eu tenho acompanhado isso pelas redes sociais, pelas mídias e pelo próprio conteúdo dos artistas que vieram pintar aqui. Então, a arte traz esse alívio, esse sentido, essa vacina para as cidades”, contou Kobra.

O artista, a todo momento, ressalta não só o potencial transformador da arte urbana, mas também a felicidade em poder realizar um trabalho em BH. “Isso está melhorando o visual cinza, muitas vezes caótico por conta do trânsito, da poluição. Então, a arte traz alívio para tudo isso. Por isso que eu estou aqui. Para mim é um privilégio, mas, além de ser uma honra, eu também estou muito feliz em poder ocupar um espaço tão importante como esse. Queria parabenizar Belo Horizonte por essas iniciativas”, celebrou.

O trabalho de Kobra começou no dia 28 de julho, com prazo estimado de 15 dias para a conclusão.

Minas das Minas

A empena de Kobra, porém, não será a única presente no projeto. Além disso, o coletivo Minas de Minas realizará outra obra de arte, com vista da Rua Tupinambás. Formado por Carol Jaued, Nica, Musa e Lídia Viber, o coletivo busca fortalecer a representação feminina nas artes urbanas e exaltar a figura da mulher nas obras. 

Dessa forma, o grupo já realizou murais retratando importantes figuras, como Carolina de Jesus, Elza Soares e Teuda Bara. “A gente sempre traz essa questão da mulher para o nosso trabalho e, mais uma vez, aqui nessa super empena, tocaremos na questão da ancestralidade, das raízes. Traremos, também, um pouco dessa coisa de BH, que é a nossa cidade”, comentou Carol Jaued.

O Minas de Minas começará o trabalho na empena de 774,73 m² no dia 14 de agosto. A finalização deve acontecer no dia 29 do mesmo mês.

Diálogo com o público

Ademais, no dia 9 de agosto, será realizada uma roda de conversa gratuita e aberta ao público, no Sesc Tupinambás (Rua dos Tupinambás, 908 – Centro), às 19h. O evento contará, assim, com a participação dos artistas envolvidos, oferecendo ao público uma imersão no projeto. As vagas são limitadas e os ingressos podem ser retirados pelo Sympla.

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]