Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Roteiros Turísticos para você viajar com segurança no feriado de 12 de outubro

Separamos um lista de cidades e hotéis para você conhecer com a família e com segurança no feriado prolongado

Gostou? Compartilhe!

Com o início da flexibilização, algumas cidades de Minas estão retornando com o turismo. Neste post, separamos cinco destinos para você conhecer as belezas do estado no feriado prolongado do dia 12 de outubro, dia de Nossa Senhora da Aparecida. Tudo com segurança e seguindo protocolos contra a Covid-19. Tem opção para quem gosta de natureza, cidade histórica, resort e muito mais. 

Santuário do Caraça

Foto: Sérgio Mourão / Divulgação

Localizado na cidade de Catas Altas, Região Central de Minas, o complexo é uma alternativa para quem está à procura beleza histórica, natural e boa gastronomia. O espaço reabriu e está recebendo hóspedes tomando, claro, diversas medidas de segurança. Sendo assim, a capacidade  foi reduzida em 74%. 

Os ambientes de uso comum estão desativados. São eles: centro de visitantes, museu, biblioteca, sala de TV e de jogos. O turista só pode permanecer no local de máscara. Além de ter que respeitar o distanciamento e não apresentar sintomas gripais. O almoço no fogão à lenha foi suspenso. Alimentação, só nos aposentos. Eles estão sendo higienizados.  O espaço é considerado uma das sete maravilhas da Estrada Real. Tem mais de 12 mil hectares de Mata Atlântica e Cerrado. Além de trilhas para os atrativos naturais, históricos e religiosos. Tem também, as cachoeiras. As diárias partem de R$ 420 para duas pessoas. 

Foto: Leo Lara / Universo Produção

Tauá Araxá

Foto: Angelo Paulino / Divulgação

Grande Hotel de Araxá reabriu as portas ao  com muitos cuidados e segurança. Dessa forma, limitou a capacidade de público e isolou alguns dos andares do imóvel. Tem medição de temperatura na entrada, kit com álcool e máscara para os hóspedes. Os check-ins são realizados agora só com horário agendado. 

Os espaços são higienizados. No bar dos quartos apenas água. As refeições são agendadas. Já os alguns banhos e massagens, estão proibidos. Assim como sauna e boate. Piscina, pesca e arco e flecha estão liberados. O consumo de bebidas e comidas também. Para servir almoço e café da manhã é preciso usar luva. O resort é o maior castelo do Brasil. Tem os jardins projetados por Burle Marx. Por lá é possível encontrar piscinas, lagoa, spa, termas, área verde, parquinhos e muito mais. Uma diária para um casal sai em torno de R$ 1268.

Poços de Caldas

Foto: João Araújo / Divulgação

Localizada no Sul de Minas, a cidade retirou as barreiras sanitárias no último dia 30. Dessa maneira, saiu do programa Minas Consciente. Sendo assim, adotou medidas próprias. Por lá, bares e restaurantes estão funcionando com música ao vivo. Atração turística, as charretes também retomam as atividades. 

A cidade é ótima opção para passeios em família. Tem as águas termais, trilhas, bondinho, pontos turísticos e bons hotéis. O Monreale Resort é um dos melhores da cidade. O estabelecimento segue medidas de segurança da ANVISA. Espaços comuns, piscinas, recreação, alimentação estão liberados, porém seguem algumas restrições. Por exemplo, uso de máscara, desinfecção e distanciamento. Lá tem piscinas, parquinho, café da manhã colonial, spa, academias e trilhas. Um pacote de quatro dias para uma pessoa custa, em média, R$ 2400.

Tiradentes

Foto: Leo Lara / Universo Produção

Na Onda Branca do programa Minas Consciente, Tiradentes, no Campo das Vertentes, também reabriu. Por lá, bares, restaurantes, pousadas e lojas estão funcionando seguindo critérios de segurança. Permanência nos estabelecimentos só com máscara e distanciamento. As ruas ainda estão vazias e o comércio preparado. 

O passeio de Maria Fumaça reabriu com capacidade reduzida. Contudo, a feira de artesanato na estação, igrejas e museus seguem fechados. O melhor é aproveitar o sol nas piscinas dos hotéis. A Pequena Tiradentes é uma opção. Construída em estilo colonial, em resumo, tem piscina, heliporto, boutique, espaço kids, bar molhado e espaço para massagem. Por lá a capacidade foi reduzida em 50%. Pias foram coladas na entrada. O uso de máscara é obrigatório nas áreas comuns. Por fim, o café só é servido se o hóspede estiver de luva. Para se hospedar é preciso reservar no mínimo duas noites, que sai, em média, R$ 3200 para duas pessoas. 

Monte Verde

Foto: Arquivo Vila Europa / Divulgação

O distrito de Monte Verde, na Serra da Mantiqueira, retomou o turismo há três meses. Espera receber no feriado mais de cinco mil pessoas. Sendo assim, fará barreiras sanitárias para entrar na cidade. Além disso, só é permitida a entrada de turistas com reservas e hospedagens confirmadas. Elas devem, ainda, constar no sistema da secretaria estadual. 

Dentre as opções de entretenimento na cidade tem os restaurantes, bares e vinículas da Avenida Monte Verde. Eles funcionam com capacidade reduzida e distanciamento entre as mesas. O comércio está limitando o acesso de pessoas para que não haja risco de aglomeração. O uso de máscaras é obrigatório em todo o município. Tem álcool em gel em alguns pontos da cidade. Para se hospedar, tem a Pousada Chalés Canto do Sabiá. Pertinho do centro. Nas acomodações tem lareira, banheira, muito verde e um café da manhã caprichado. O espaço segue com capacidade normal, porém, tomando todas as medidas de segurança. O pacote de 9 a 12 de outubro sai por R$ 2500 para duas pessoas. Boa opção para quem gosta de frio, fazer trilha e passeios de Jeep. 

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]