fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Radiolaria lança novo disco mais maduro e poético

Por Thiago Fonseca *

22/08/2018 às 13:20 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Foto: Divulgada por RG Comunicação

Um disco que reflete bem a banda e o atual estado da Radiolaria. Essa é definição que Luiz Lobo, bateria e percussionista, dá ao novo disco. ‘Qualquer outra estação’ surge após quatro anos do primeiro disco ‘Vermelho’. Já nas plataformas digitais desde o mês passado o projeto será lançado em BH na quinta-feira, dia 23. Segundo Luiz, um disco mais maduro, com envolvimento de mais pessoas e influenciado pelo Clube da Esquina e pelo rock de outras épocas.

Desde a infância os amigos Felipe Barros (voz, violão, guitarra) e Felipe Xavier (voz e violão) já faziam parcerias. Entretanto, Radiolaria ganhou corpo mesmo em 2012. Surgiu com três integrantes. Hoje é um quinteto com formação um pouco diferente da primeira. Dessa forma, a atual conta com Felipe Barros, Felipe Xavier, Leonardo Laporte (teclados), Luiz Lobo (bateria e percussão) e Wagner Costa (baixo). Está assim desde o ano passado.

 

Foto: Caio Lírio / Divulgação

Continua após a publicidade...

 

Álbum poético

“O primeiro disco da banda foi lançado há quatro anos. Nossa banda cresceu e tomou novas formas. Sendo assim, sentimos vontade de ventilar. Trabalhamos em ‘Qualquer outra estação’ por dois anos. O projeto se diferencia do primeiro por trazer músicas mais maduras e arranjos mais elaborados. Um disco sincero, que reflete a realidade atual da banda e uma liberdade para falar o que pensa”, conta Luiz Lobo.

O processo de produção ‘Qualquer outra estação’ foi intenso. Os ares de Pará de Minas e Escarpas ventilaram as ideias dos cinco músicos e do produtor musical da banda, Marcelinho Guerra. Durante alguns momentos os integrantes do Radiolaria trabalharam nas músicas em sítios das cidades. De 25 canções, escolheram 10 para o disco. Todas autorais. Em resumo: cinco delas foram compostas por Luiz. As outras pelos outros integrantes, e por fim, algumas em conjunto.

“As letras do novo disco são variadas, mexem com alma e que oferecem um olhar suave, e por que não esperançoso, do cotidiano. Falamos, como por exemplo, sobre a temática mineira, amor e política. Um disco com uma temática leve e poética. Tomamos como influência o rock progressivo, space rock, Beatles, Clube da Esquina e outros”, pontua Luiz.

‘Qualquer outra estação’ será lançado na quinta-feira, dia 23, no Teatro de Câmara, no Cine Theatro Brasil Vallourec. Para o show o quinteto vai contar com as participações do guitarrista e produtor do disco Marcelinho Guerra e do percussionista Alexandre Horta. A banda promete inserções poéticas e performances mais maduras. Dessa maneira, a ideia é oferecer ao público uma experiência artística, e também estética, abrangendo música, poesia, cenografia e luz.

Ouça o disco ‘Qualquer outra estação’

 

 

[O QUE] Lançamento do disco ‘Qualquer Outra Estação’ da banda Radiolaria [QUANDO] 23 de agosto, às 20h [ONDE] Teatro de Câmara do Cine Theatro Brasil Vallourec – Av. Amazonas, 315, Centro – BH [QUANTO] R$ 25

 

Continua após a publicidade...

photo

Nath Rodrigues lança primeiro disco ‘Fractal’

Nath Rodrigues ainda está na fase em que as palavras escapam quando fala sobre Fractal. Natural. Esse que é o primeiro disco da carreira acabou de sair. Chegou às plataformas de streaming no dia 9 de julho e, assim, ela que canta desde criança, experimenta aos 28 anos algo novo. Falar sobre o próprio disco […]

LEIA MAIS
photo

Fim de semana no Fit-BH: cheio de sentidos e vazio de público

Sou da turma que enfrentou mais de 12 horas de fila para comprar um ingresso para ver Peter Brook e Teatro da Vertigem no Fit-BH de 2004. Em 1997, na edição do centenário de BH, também estava lá correndo com uma multidão atrás do Generik Vapeur do Parque Municipal até a Praça da Estação. Antes […]

LEIA MAIS
photo

Shows on-line: lista de apresentações musicais para ver ao vivo de casa

A cada dia surgem novas informações de bandas, músicos, produtores que inventam festivais on-line para cuidar do bem-estar das pessoas. A lista só aumenta. Claro que estamos de olho! “Tenho achado maravilhosa a iniciativa dos shows online. Para a gente que trabalha com o público, é muito angustiante essa condição de confinamento. Pelo menos eu […]

LEIA MAIS
photo

Cinco palestras do TED que podem te inspirar durante a quarentena

Em uma das reflexões que registrou no livro TED Talks: o guia oficial do TED para falar em público, Chris Anderson, o editor, assume o objetivo de convencer cada leitor de uma coisa. No futuro que já se tornou presente, é fundamental saber falar em público. Ou seja, na opinião dele, é uma aptidão imprescindível. […]

LEIA MAIS
photo

Cinco canais no YouTube para quem ama arte e cultura

“Arte é assim: quanto mais a gente vê, mais a gente gosta”. Essa é a frase dita por Vivi, do canal Vivieuvi, no vídeo de apresentação do canal que mantém no YouTube. E ela tem razão, pois ter contato com a arte aumenta o senso crítico, a empatia e o conhecimento de mundo. Sendo assim, […]

LEIA MAIS
photo

Cultura na quarentena: dicas de atividades para fazer on-line

Não tem como escapar da quarentena. E nem pense em ficar desatento quanto aos cuidados básicos:  lavar as mãos com frequência, tossir e espirrar usando a parte interna dos cotovelos, entre outras medidas para evitar a propagação do vírus. As medidas necessárias que nos afastam de atividades presenciais não significam, no entanto, que a cultura […]

LEIA MAIS