fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Quem é Thiago Delegado: da engenharia ao samba

Confira o último episódio da primeira temporada do Quem É, Podcast realizado por Carol Braga e Fred Bottrel

Especial para o Culturadoria | Por Luiza Rocha

05/02/2020 às 09:17

Publicidade - Portal UAI
Foto: Beth Freitas / Divulgação

Na primeira entrevista celebrando os 10 anos de carreira, Thiago Delegado conta sobre o orgulho de fazer música e de ser conhecido pelo seu trabalho no cenário mineiro: “Tenho muito orgulho do que construí. Eu queria ser alguém em Belo Horizonte, antes de querer ser alguém em outro lugar.” Apesar disso, ele expõe sua inquietude para mudar a forma como as coisas estão, uma vontade de se desafiar. 

Confira a seguir último episódio da primeira temporada do Quem É. Podcast realizado por Carol Braga do Culturadoria e Fred Bottrel do Estado de Minas. 

Projetos

Após 10 anos de carreira, Delegado fala do extenso currículo e da felicidade de ter participado de inúmeros projetos, que vão desde a instrumentalização à produção, como os discos Sambarroco, do cantor e compositor Vander Lee, e Flor Morena, da cantora Aline Calixto. 

Universidade

Nascido em Caratinga, cidade do Vale do Rio Doce, Thiago Delegado veio para a capital mineira fazer o terceiro ano do Ensino Médio, em 2000. Depois de concluído os estudos no colégio, o cantor seguiu para a engenharia eletrônica e de telecomunicações, onde se graduou e chegou a escrever até o quinto capítulo da dissertação de mestrado. 

Desistiu de ser engenheiro porque já estava de tocando nas noites belo-horizontinas e apaixonado pela profissão. 

Ansiedade

Delegado se assume como uma pessoa bastante ansiosa, “Assisto NBA, escutando Paulinho da Viola, tocando um violão e fazendo um misto”, conta. Grande parte da vontade que o compositor tem de se desafiar, vem justamente dessa inquietude e do anseio por fazer coisas novas. 

Foto: Beth Freitas / Divulgação.

photo

Poesia em verde e rosa: o marco do segundo disco de Cartola na música brasileira

Guilherme Peixoto * Morador do Morro da Mangueira, Angenor de Oliveira, o Cartola, era um dos mais renomados compositores do samba carioca. Apesar disso, as dificuldades financeiras forçavam o músico a vender suas letras para cantores de grande fama. A situação só foi alterada em 1974, quando Cartola, já com 66 anos de idade, lançou […]

LEIA MAIS
photo

Dicas para curtir o Verão Arte Contemporânea 2017

A primeira impressão ao ver a programação do Verão Arte Contemporânea 2017 é o como o evento encontrou seu formato e a cada edição reforça um modelo de festival que deu certo. O negócio do Vac é “incentivar a criação artística local, a pesquisa e a experimentação das artes”. O que às vezes pode dificultar […]

LEIA MAIS
photo

[PONTO DE ESCUTA] ‘Djalma não entende de política’ ignora crise e renova irreverência

Hard-samba progressivo pós-wagneriano. Oi? É assim que Djalma não entende de política, banda formada por André Albernaz, Carlos Bolívia, Carol Abreu, Drica Mitre, Fernando Feijão e Terêncio de Olveira se apresenta. É para entender? Claro que não. Irreverência é a marca do coletivo que desde 2011 se reúne para fazer música na vibe do sem […]

LEIA MAIS