Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

A primavera está chegando: confira algumas músicas sobre a estação

Gostou? Compartilhe!

No sábado, o inverno dá passagem à primavera no hemisfério Sul, assim, selecionamos canções que falam da estação

Patrícia Cassese | Editora Assistente

No próximo dia 23, o inverno (que, neste desenlace, é marado por temperaturas altíssima) sai de cena no hemisfério sul para dar entrada à primavera. Ou a temporada das flores, no dizer do cantor e compositor Leoni. Para celebrar a nova estação, o Culturadoria selecionou, aqui, dez músicas, algumas delas, bem conhecidas, que fazem referência ao período que precede o verão. Vale dizer que muitas fazem referência à estação como uma fase de renascimento. E, ainda, de resistência. Confira!

Detalhe da capa do single "Nada Conterá a Primavera", da banda Francisco El Hombre
Detalhe da capa do single "Nada Conterá a Primavera", da banda Francisco El Hombre

“Sol de Primavera”

Puxando brasa para a sardinha de Minas Gerais, impossível não citar Beto Guedes e uma das mais conhecidas músicas do repertório do artista, “Sol de Primavera”. Com letra de Ronaldo Bastos, a composição se tornou conhecida a partir da novela “Marina”, da Rede Globo, da qual era o tema de abertura. Os versos estão de cor e salteado na mente das pessoas, mas vamos citar um trecho: “Quando entrar setembro/E a boa nova andar nos campos/Quero ver brotar o perdão/Onde a gente plantou”.

“É Primavera (Vai Chuva)”

“Porque (é primavera)/Te amo (é primavera)/Te amo, meu amor/Trago esta rosa (para te dar)”, diz o refrão. A música é mais associada a Tim Maia, pelo fato de a versão do saudoso cantor e compositor ter se tornado, digamos assim, definitiva. Mas, na verdade, trata-se de uma parceria de Cassiano e Silvio Rochael, de 1970. Além de Tim Maia, já foi gravada pelo próprio Cassiano, Nana Caymmi, Mundo Bita, Daniel, Pato Fu, Maurício Manieri e vários outros.

“Manhãs de Setembro”

Capa do disco “Vanusa”, de 1973, no qual a cantora lançou a música “Manhãs de Setembro” (Reprodução)

Parceria de Mário Campanha e Vanusa, a música “Manhãs de Setembro” foi lançada em 1973. Logo virou hit. Assim, um trecho diz: “Fui eu que na primavera só não viu as flores/E o sol/Nas manhãs de setembro/Eu quero sair/Eu quero falar/Eu quero ensinar o vizinho a cantar”. Detalhe: Vanusa, que nos deixou há quase três anos, nasceu justamente em um dia 22 de setembro (de 1947). A música voltou a ser muito acessada recentemente pelo fato de batizar a série Prime Video, que traz Liniker como protagonista, ao lado de Karine Teles.

“Temporada das Flores”

A música de Leoni não é exatamente uma ode à estação, porque, aqui, a temporada das flores entra como alegoria de um recomeço, após um ciclo marcado pela depressão. Em entrevistas que podem ser localizadas na web, ele diz que já teve notícias de a música ter ajudado pessoas que estavam encerrando até ciclos de quimioterapias. Repare, portanto, na letra, que é linda. Primordialmente, o refrão: “Me espera amor. que eu tô chegando/Depois do inverno, a vida em cores/Me espera amor/nossa temporada das flores”. E viva Leoni.

“Primavera” e “Nada Conterá a Primavera”

Duas músicas do repertório do grupo Francisco El Hombre. A letra da primeira clama: “La madre tierra ya lo sabe todo/Que el frio se vá llega la primavera”. Já a segunda, diz: “Nada conterá a Primavera brotar/É sol e água/É terra boa/O canto ecoa, o canto ecoa”. Evidentemente, essa última letra traz um teor político ao falar de resistência.

“Primavera”

A música fruto da parceria de Carlos Lyra e Vinicius de Moraes foi gravada por Lyra. Tal qual, fez parte do primeiro compacto lançado por Toquinho, em 1964. Primeiramente, a composição fez parte da trilha da peça musical “Pobre Menina Rica”. Selecionamos um trecho: “Estrela, eu lhe diria/Desce à terra, o amor existe/E a poesia só espera ver/Nascer a primavera/Para não morrer”.

“Novamente Primavera”

A “marrom” Alcione deu voz à composição de Dauro Ribeiro, ou Dauro do Salgueiro, da ala dos compositores do Salgueiro, e Ney Lopes. Assim, a letra diz: “Primavera/É dinovo primavera/Resplandece a nova era/O inverno teve fim/Afinal, o sol raiou/Brotando no meu peito/O amor-mais-que-perfeito/Que floresceu no meu jardim”, diz a letra.

“Desencontro de Primavera”

Quem se lembra de Hermes Aquino? O gaúcho, que estourou nos anos 1970, com “Nuvem Passageira”, também lançou, em 1977, “Desencontro de Primavera”. Uma amostra da letra? “Uma tristeza que corta a alma da gente/Antes que a primavera se decida/A por as flores nos campos/E o verde nas folhas/Com banhos de mar/O sol por sobre a cidade/O vento vai cessar”. Hoje aos 74 anos, Aquino segue na ativa, escrevendo em jornais.

O gaúcho Hermes Aquino, que, nos anos 1970, lançou “Desencontro de Primavera” (Reprodução)

Para Crianças

“Vai e Vem das Estações” – Palavra Cantada

A música do projeto Palavra Cantada (dupla formada por Paulo Tatit e Sandra Peres) aborda, em sua letra, todas as estações, na verdade. Assim, selecionamos, aqui, o trecho referente ao nosso foco: “Todo ano ela vem e volta no ano que vem/Vem pra plantar, enfeitar a floresta/E toda a natureza entra em festa/Passarinhos e abelhinhas/Joaninhas e florzinhas perfumadas/As crianças nas escolas/Comemoram sua chegada”

“Canção da Primavera” – Crianceiras

Dirigido por Luiz André Cherubini, do Grupo Sobrevento, o espetáculo “Crianceiras Mario Quintana” incluiu o poema de Quintana, que diz: “Primavera cruza o rio/Cruza o sonho que tu sonhas/Na cidade adormecida/Primavera vem chegando”.

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]