Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Ponto Vermelho: para quem busca suspense de pura tensão

Produção sueca está disponível na Netflix e proporciona mais de uma hora e vinte de muito nervosismo

Gostou? Compartilhe!

Toda vez que tenho a oportunidade de ver um cinema fora do eixo da língua inglesa, agradeço o acesso que a Netflix nos proporciona. Claro que os algoritmos da empresa de streaming não são santos, mas fato é que amplia nosso acesso. Quando, nos tempos da locadora, eu poderia ver um suspense sueco como o Ponto Vermelho? Bem difícil, né. 

Pois se você é fã desse gênero, prepare-se para surpreender. O longa é dirigido por Alain Darborg e protagonizado por Nanna Blondell e Anastasios Soulis. Pois é, não conhecia o trabalho de nenhum deles. Legal pois entramos na experiência do filme sem expectativas. 

A trama gira em torno da relação dos dois. Eles namoraram durante a faculdade, se casaram e logo entraram em uma crise conjugal. Para amenizar os problemas da convivência, resolvem fazer uma viagem para ver a aurora boreal acampados no meio da neve. Quer dizer: no meio do nada mesmo, só aquela vastidão branca. Seria tudo mágico se não fosse o ponto vermelho que aparece justo na noite mais esperada. 

Ponto Vermelho. Foto: Netflix/Divulgação
Ponto Vermelho. Foto: Netflix/Divulgação

Viradas

O que é possível acrescentar, sem spoilers, é que o longa vai te surpreender. A paisagem branca da neve gera um clima que nada – absolutamente nada – tem a ver com a ideia que os americanos costumam nos passar. São 86 minutos de duração e, destes, pode esperar mais da metade de pura tensão. A verdadeira caça de gato e rato que no fim das contas você já não sabe mais se está do lado do gato ou do rato. 

O roteiro de Darborg em parceria com Per Dickson embaralha as cartas do que naturalmente entendemos com mocinhos e bandidos. Desse modo, propõe discussões éticas, morais que são tão incômodas como interessantes. Será possível exercitar a empatia naquele caso? 

A classificação indicativa é 18 anos. Vale o reforço: as cenas são realmente muito fortes.

Ponto Vermelho. Foto: Netflix/Divulgação
Ponto Vermelho. Foto: Netflix/Divulgação

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]