Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Mostra “A Magia dos Pixels: Espelhos Animados da Realidade” chega ao CCBB BH

Gostou? Compartilhe!

Programação “A Magia dos Pixels” prevê a exibição de 22 longas-metragens, seis curtas de animação e um documentário da Pixar

O CCBB BH recebe, a partir desta quarta-feira, dia 20 de setembro, e até 16 de outubro, a mostra “A Magia dos Pixels: Espelhos Animados da Realidade”, que se apresenta como a mais completa retrospectiva de filmes da Pixar. Assim, durante o período, serão exibidos 22 longas-metragens. Tal qual, seis curtas-metragens de animação e, ainda, um documentário sobre a história de um dos mais importantes produtores de animação. Logo, a mostra é composta por 36 sessões, com exibições dubladas em português. Somente o documentário será legendado, por ser o único formato disponível.

Acompanhada da exibição de clássicos animados, o público será contemplado com a história do estúdio Pixar e a evolução da animação tradicional e digital em sessões comentadas. Ao mesmo tempo, está prevista a realização de debates. “O estúdio Pixar é o pioneiro em animação digital. Lá, animadores e técnicos uniram ciência e arte criando um novo tipo de encantamento”, afirma Eduardo Reginato, um dos curadores da mostra. Todavia, ao contrário do que se pensava antigamente, que a computação gráfica acabaria com arte de desenhar, a Pixar demonstrou que a animação digital “só existe com a união de diversas técnicas”. “Assim, desde o desenho e a pintura tradicional, a modelagem e escultura e a programação de computadores. Do mesmo modo, a técnica cinematográfica, a cinefilia e, principalmente, a arte de imaginar e escrever uma história sem limites para a imaginação”, completa ele.

Cena do filme "Procurando Dory", da Pixar, que será exibido (Pixar/Divulgação)
Cena do filme "Procurando Dory", da Pixar, que será exibido (Pixar/Divulgação)

Resgate sem apelo

Também curador da mostra, Fabrício Duque completa: “Primeiramente, um dos maiores focos da Pixar é sua preocupação em conectar seus filmes ao mundo. Desde seu início, essa questão é de suma importância, tanto que há uma equipe para lidar com isso. Cada cultura e comportamento social são sistematicamente estudados”. Tudo porque, prossegue ele, a Pixar deseja que suas obras sejam universais e que despertem no público a memória afetiva da infância. “Os filmes fazem rir e chorar, pois lembramos de nossas sensações mais ingênuas e genuínas. Há um resgate de uma inocência perdida, sensorial e emocional, mas sem o apelo ao sentimentalismo”.

Confira, a seguir, a programação inicial *

Programação

20 de setembro – quarta-feira

18h – Primeiros curtas-metragens da Pixar – 21 min – Livre (Sessão gratuita).
19h – “Toy Story” – 81 min – Livre

21 de setembro – quinta-feira
16h – “A história da Pixar” – 87 min – Livre (Sessão gratuita)
19h – “Toy Story 2” – 92 min – Livre

22 de setembro – sexta-feira
15h30 – “Carros” – 117 min – Livre
18h – “Carros 2” – 106 min – Livre

23 de setembro – sábado
14h – “Os Incríveis”– 115 min – Livre (Sessão gratuita)
16h – Sessão Comentada (“Os Incríveis”) com o curador Eduardo Reginato – 60 min. (Conforme o material enviado à imprensa, a palestra terá a participação de Intérprete de Libras)
17h30 – “Up: Altas Aventuras” – 96 min – Livre

24 de setembro – domingo
15h – “Toy Story 3” – 103 min – Livre
17h30 – “Toy Story 4” – 100 min – Livre

25 de setembro – segunda-feira

13h30 – “Ratatouille” – 111 min – Livre – Interpretação em Libras (Sessão gratuita).
17h – “Carros 3” – 102 min – Livre

27 de setembro – quarta-feira

19h – “Viva: A Vida é uma Festa” – 105 min – Livre

(*) Dada a extensão da mostra, o Culturadoria publica, aqui, a lista dos filmes que serão exibidos nos primeiros dias. Mas a programação inteira está disponível no site do CCBB BH

Sessões da Mostra Pixar com acessibilidade

25 de setembro, segunda-feira
13h30 – “Ratatouille” – 111 min – Livre – Intepretação em Libras

09 de outubro, segunda-feira
15h – “Toy Story” – 81 min – Livre – Audiodescrição

Entrada gratuita, com distribuição limitada de ingressos 1h antes de cada sessão, na bilheteria do CCBB. Todos os filmes serão exibidos em versão dublada em português.

Sessão comentada de Os Incríveis

23 de setembro, sábado, 14h
Às 16h, após a exibição de “Os Incríveis”, o curador Eduardo Reginato irá ministrar uma palestra sobre o filme assistido, apontando as referências e os destaques da obra.
Classificação livre. Evento gratuito. Distribuição de ingressos 1h antes da atividade, na bilheteria do CCBB.

Debate ‘Como Acontece a Magia dos Pixels’?

29 de setembro, sexta-feira, após exibição de “Divertida Mente”, a partir das 18h40
Bate-papo sobre as animações da Pixar com a crítica de cinema e pesquisadora Yasmine Evaristo e, do mesmo modo, com o crítico de cinema Pablo Villaça. Mediação do curador Fabrício Duque. Assim, o público que estiver na sessão poderá ficar direto para o bate-papo. Desde que haja vagas disponíveis, será permitida a entrada de mais pessoas.

Ação com cosplays

De antemão, a produção da mostra promoverá, no dia 7 de outubro, a partir das 17h, e, tal qual, nos dias 8 e 12 de outubro, a partir das 14h, três ações com cosplays. Conforme a produção, eles estarão caracterizados de personagens dos filmes da Pixar. Assim, as figuras irão circular pelo CCBB nesses dois dias. Porém, quais são elas será uma surpresa.

Serviço

Mostra A Magia dos Pixels: Espelhos Animados da Realidade

Onde.: Teatro II – CCBB BH (Praça da Liberdade, 450 – Fone: 3431-9400)
Período: 20 de setembro a 16 de outubro
Programação completa no site bb.com.br/cultura
Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia) no site ou bilheteria do CCBB BH.
Sessões gratuitas: distribuição de ingressos na bilheteria do CCBB BH. Primordialmente, 1h antes do início da sessão ou atividade

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]