Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Nova unidade do OssO se destaca pela gastronomia e a arquitetura

Dois anos depois da inauguração no Bairro de Lourdes, a parrilla contemporânea OssO chega ao Vale do Sereno

Por Gabriel Lacerda *

11/01/2019 às 10:10 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Cacá Lanari / Divulgação - OssO

Dentro das cozinhas dos restaurantes de BH existem grandes histórias. São elas, na maioria das vezes, as responsáveis por criar e temperar vários dos pratos que são servidos naquele lugar. No OssO não poderia ser diferente.

Localizado, no Serena Mall, Nova Lima, o restaurante tem menos de seis meses de existência. O projeto arquitetônico do lugar foi elaborado por Gustavo Penna, um dos responsáveis pela reformulação do Mineirão. No total, são 250 lugares na nova casa.

A decoração é composta por  itens contemporâneos, as paredes de vidro, e componentes rústicos feitos de couro e ferro. Detalhes em amarelo, vermelho e laranja, que lembram fogo, são muito bem trabalhados na casa e dão todo um charme ao lugar.

Na cozinha

Nascido em Sete Lagoas, Djalma Victor demorou entender sua qual a sua vocação. Faltando um ano e meio para formar em direito, ele abandonou o curso e foi estudar gastronomia. Se deu certo?

O chef hoje comanda a cozinha de uma das casas de carnes mais faladas em BH, o OssO. Em 2017, ele ainda levou o título da Encontro Gastrô na categoria chef revelação. Ano no qual a revista Veja Comer e Beber também premiou o restaurante.

É da infância, dos lugares que visitou e de todo seu aprendizado ao longo de sua carreira, que Djalma tira inspiração para suas criações. “Eu coloco muito do que vivi em cada prato e isso faz a diferença no final”, afirma.

 

Tartare de carne serenada – Foto: Cacá Lanari / Divulgação

 

Comes e bebes

É claro que carne (e muita carne) não falta ao restaurante. Os preços variam entre R$ 58 e 160, para os angus como chorizo (R$ 59), ancho (R$ 62) e tamakawk (R$ 160). Também é possível experimentar as carnes de porco (de R$ 34 até 42), o frango (R$ 39) e os black angus (de R$ 49 até 120).

 Segundo Djalma, um dos pratos que representa muito bem a casa é o steak tartare de Wagyu com tutano e chips de batata doce (R$ 45) e a barriga de porco com goiaba defumada (R$ 36). De acordo com o chef, a peça suína demora 24h para ser preparada.

Mas se você gosta de salada, o restaurante também oferece algumas opções que custam de R$ 29 até R$ 35. O menu executivo também é uma boa pedida, todos os pratos por menos de R$ 40.

Para quem gosta de hambúrgueres, o OssO oferece o Mc Kobe, feito de Wagyu (R$ 35), e o OssO Kobe Burger, que é feito de Wagyu, bacon defumado, cheddar americano, maionese de urucum, ketchup de goiaba e rúcula silvestre (R$ 40). Ambos são acompanhados com batatas rústicas.

Entre os doces, a cocada de tabuleiro com sorvete de tapioca (R$ 25) e o brownie de Jack Daniels (R$ 28) se destacam. O primeiro por possuir toda uma história de vida que se transformou num prato, e o segundo por ser diferente e bem saboroso.

A carta de bebidas possui duas cervejas artesanais. A cerveja OssO IPA (R$ 24) e o chopp OssO session IPA vendida por (R$ 13). Além de cervejas tradicionais e destilados (R$ 18 até 25/doses). Já a adega de vinhos reúne cerca de 80 rótulos, entre nacionais e importados.

Serviço

[ONDE] Rodovia MG 030, Rod. Januário Carneiro, 8625 – Vale do Sereno, Nova Lima

[FUNCIONAMENTO] Terça a quinta-feira, a partir de 18h | Sexta e sábado, de 12h às 1h | Domingo, de 12h às 18h

[TELEFONE] (31) 3694- 2731

photo

Festival em BH estimula consumo de plantas em bares

Bar e festival de gastronomia não faltam em Belo Horizonte. Praticamente todo mês tem um. Até o dia 7 de dezembro, por exemplo, o ‘Festival Bar em Bar’ está na ativa. Ao todo são 35 bares da capital e mais sete cidades do interior do estado. Os estabelecimentos nesta edição estão servindo receitas exclusivas com […]

LEIA MAIS
photo

Conheça cinco bares em BH que são a cara do verão

O verão chegou e, com ele, as altas temperaturas e as chuvas também. Nos dias do calorão, se você não está de férias e não pode viajar, não se preocupe. Fizemos uma lista com cinco bares e restaurantes que são a cara do verão. Sem chuva ;), claro! Bar Baiúca Você sabe o que significa […]

LEIA MAIS
photo

Conheça o Refazenda, um pedacinho do interior no coração da capital

Cagaita, jurubeba, guariroba e pequi são alimentos que não fazem parte do nosso cotidiano. E muita gente também não sabe que esses frutos são típicos de um bioma brasileiro pouco lembrado na gastronomia: o cerrado. É com a ideia de reverter esse quadro que o Refazenda chega à capital mineira. Inaugurado há três meses pelo […]

LEIA MAIS