fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Cinema brasileiro: oito filmes imperdíveis no Cine Humberto Mauro

Mostra ficará em cartaz de 18 a 30 de dezembro com 26 longas exibidos gratuitamente

Por Thiago Fonseca *

17/12/2019 às 15:36 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Cena de Bacurau. Foto: Victor Jucá/Divulgação

Cinema Brasileiro em cartaz. Esse foi o tema escolhido para a última mostra do ano no Cine Humberto Mauro. Dessa forma, 26 longas-metragens nacionais, produzidos entre 2018 e 2019, oferecerão ao público a oportunidade de prestigiar a diversidade da produção recente do país. A ideia é contemplar obras que tiveram poucas oportunidades de exibição nos cinemas de Belo Horizonte.

Todos os filmes terão exibição única. A programação está IMPERDÍVEL. São longas que bombaram nos festivais nacionais e internacionais. E o melhor: com exibição gratuita. Os ingressos serão distribuídos uma hora antes na bilheteria do cinema. A Mostra vai de 18 a 30 de dezembro. A programação completa você confere clicando aquiConfira quais filmes você não deve perder. 

 

Bacurau (2019)

[O QUE] Bacurau

[QUANDO] 22 de dezembro, 18h 

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

Premiado pelo júri no Festival de Cannes, Bacurau é um filme sobre a que ponto chegamos. Sendo assim, é cheio de camadas para falar sobre o surrealismo do mundo de hoje. A história se passa na cidade de Bacurau, um lugarejo abandonado pelo poder público e que, um belo dia, literalmente some do mapa. Dentro da seriedade que lhe cabe, o longa é cheio de ironias. Quem assiste, sai de lá como se tivesse levado um susto. Vale a pena conferir. A direção é Kléber Mendonça Filho e Juliano Dornelles. Clique aqui e confira a crítica que escrevemos sobre o filme.

A Vida Invisível (2019)

[O QUE] A Vida Invisível

[QUANDO] 19 de dezembro, 20h

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

Filme dirigido por Karim Aïnouz, A Vida Invisível, foi o representante do Brasil por uma vaga ao Oscar 2020, mas não conseguiu se classificar. Contudo, é uma boa aposta. O longa é um retrato cruel da sociedade patriarcal, que conta a história de duas irmãs que vivem em um rígido regime, o que faz com que trilhem caminhos distintos. Clique aqui e confira a crítica que escrevemos sobre o filme.

Temporada (2019)

[O QUE] Temporada

[QUANDO] 29 de dezembro, 18h

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

O longa de André Novais de Oliveira foi produzido em Contagem, na Grande BH e traz no elenco artistas mineiros, como por exemplo, Grace Passô, Russo APR e Rejane Faria. Temporada conta sobre a chegada de Juliana a Contagem para trabalhar no serviço de combate à dengue. Ela deixou Itaúna, outra cidade do interior de Minas, para assumir o cargo de um concurso público. Temporada é uma comédia com tom crítico. O longa vencedor do principal prêmio do Festival de Brasília em 2018. Clique aqui e confira a crítica que escrevemos sobre o filme

No Coração do Mundo (2019)

[O QUE] No Coração do Mundo

[QUANDO] 19 de dezembro, 16h

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

A produção dos mineiros da Filmes de Plástico se passa no bairro Jardim Laguna, em Contagem. Foi lá que os diretores cresceram. Sendo assim, faz parte da natureza deles, inclusive da memória afetiva de cada um, o modo como as pessoas se relacionam, como ganham a vida, buscam seus sonhos e desejos. São sujeitos a procura de cotidianos menos sufocantes. Na trama, Marcos (Leo Pyrata) precisa convencer a namorada Ana (Kelly Crifer) a participar de um assalto planejado por Selma (Grace Passô). Até chegar no crime propriamente dito, os diretores nos apresentam um ensaio antropológico sobre a periferia. Clique aqui e confira a crítica que escrevemos sobre o filme.

Baronesa (2018)

[O QUE] Baronesa

[QUANDO] 20 de dezembro, 16h

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

Outra produção mineira que chamou atenção do público de da crítica foi Baronesa, de Juliana Antunes. O longa ganhou a Mostra Aurora 2017, a principal seção competitiva da Mostra de Cinema de Tiradentes e outros três prêmios em festivais mundo a fora. O filme leva para a tela temas que são urgentes. Fala da força da mulher. Sexualidade, maternidade, abuso, liberdade, identidade, independência são questões que aparecem nos descompromissados bate-papos das amigas Leid e Andreia, quem estava a ponto de se mudar para o bairro vizinho, o Baronesa, em Santa Luzia, na região metropolitana de BH. 

A Rainha Nzinga Chegou (2019)

[O QUE] A Rainha Nzinga Chegou

[QUANDO] 20 de dezembro, 20h

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

A rainha Nzinga chegou registra a tradição do Reinado das Guardas de Moçambique e Congo em Belo Horizonte. As imagens para o documentário foram gravadas ao longo de 16 anos. Sendo assim, acompanha tanto a rotina do Reinado como o processo constante de relacionamento com a ancestralidade. Sendo assim, a narrativa começa focada na figura de Isabel Casimira que por 31 anos foi Rainha Conga do Reinado Treze de Maio e por mais de duas décadas Rainha Conga do Estado de Minas Gerais. Um filme lindo, com belas imagens. Uma verdadeira aula de história. O filme Selecionado para Mostra Aurora da 22ª edição do Festival Tiradentes.

Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos (2018)

[O QUE] Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos

[QUANDO] 23 de dezembro, 18h

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

Premiado em Cannes, o drama indígena ‘Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos’ é o Brasil que desconhecemos. Dirigido por João Salaviza e Renée Nader Messora, o filme conta a história de Ihjãc, um jovem pai da etnia Krahô, que mora na aldeia Pedra Branca, em Tocantins, e .após a morte de seu pai, foge para a cidade. Longe de seu povo e da sua cultura, vai enfrentar as dificuldades de ser um indígena no Brasil contemporâneo. O longa já participou de mais de 50 festivais internacionais e conquistou 11 prêmios. 

Estou me Guardando para Quando o Carnaval Chegar (2019)

[O QUE] Estou me Guardando para Quando o Carnaval Chegar

[QUANDO] 21 de dezembro, 18h15

[ONDE] Cine Humberto Mauro – Av. Afonso Pena, 1537 – Centro, Belo Horizonte

[QUANTO] Gratuito

O documentário de Marcelo Gomes revela uma crítica social muito forte, mas de uma maneira sutil. O trabalho – quase que escravo – dos moradores de Toritama, Pernambuco, na produção de jeans. Orgulhosos de serem os próprios chefes, os proprietários das fábricas trabalham sem parar em todas as épocas do ano, exceto no carnaval: quando chega a semana de folga. Vendem tudo que acumularam para curtir uma praia. O interessante é que o próprio diretor revela laços afetivos com longa, explicando sua relação de infância com a cidade.

A Vida Invisível. Foto: Vitrine Filmes/Divulgação
photo

Coral de Natal: veja apresentações realizadas em BH nos próximos dias

Uma marca registrada deste período são os corais de Natal. As agendas dos já tradicionais grupos ficam cheias e eles dão toque especial ao clima natalino em diferentes pontos da cidade. Pensando nisso, aqui vai um resumo do que vem por aí nos próximos dias. Confira e programe-se para prestigiar seu coral preferido. Orquestra Sinfônica […]

LEIA MAIS
photo

Man Ray em BH: um guia para explorar a mostra em cartaz no CCBB

Estrelas da moda, de Hollywood e das artes plásticas. Figuras que mudaram o rumo das áreas onde atuaram, tipo Picasso, Duchamp, Coco Channel. Todos passaram pelas lentes do fototógrafo americano Man Ray, cujos registros estão entre as mais de 200 fotografias que compõem o acervo da exposição montada até fevereiro no Centro Cultural Banco do […]

LEIA MAIS
photo

Cinco lugares para encomendar a ceia de fim de ano

Farofa, peru, arroz temperado, pernil, rabanada e panetone. Nas ceias de fim de ano, como natal e ano novo, esses pratos não podem faltar, não é mesmo? Se você vai passar a ceia em casa e pretende ir para o fogão, o Culturadoria vai te ajudar. Separamos uma lista com locais para você encomendar os […]

LEIA MAIS