Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Dicas de livros para ler mais sobre jornalismo cultural

Confira cinco títulos sobre a cobertura jornalística especializada em cultura
Por Carol Braga

Além de praticar o jornalismo cultural, sempre me interessei também em estudá-lo. Sendo assim, ao longo desses 20 anos dedicados à cobertura especializada, busquei ler também o que a teoria diz e, assim, de que forma o pensamento de outras pessoas sobre o meu ofício pode complementar a minha formação. 

Todas as vezes que eu me preparo para encontrar turmas de alunos interessados em jornalismo cultural revisito essa pequena bibliografia básica. Não são livros grandes e nem clássicos. Ainda assim, todos eles, trazem contextualizações importantes sobre este ofício. Algumas das reflexões vão nortear o 1º Laboratório Culturadoria de Jornalismo e crítica Cultural: olhares e processos

O curso será realizado às quartas-feiras, entre 05 de maio e 23 de junho, pela plataforma Zoom. Será ministrado por mim, Carol Braga, e o também jornalista e músico Maurício Guilherme Silva Jr. Se você quiser saber mais, clique aqui! As vagas são limitadas.

Agora vamos aos livros

Jornalismo Cultural - Daniel Piza

Daniel Piza foi repórter da editoria de Cultura do Estadão. Ele que nos deixou prematuramente tem como legado este livro que percorre a história da cobertura jornalística especializada em cultura. Publicado em 2003, contribui principalmente no que diz respeito às origens dos “segundos cadernos”.

Crítica cultural: teoria e prática - Marcelo Coelho

Este livro de Marcelo Coelho se baseia em um curso de jornalismo cultural que ele mesmo elaborou. O autor colaborou por anos com a Folha de S. Paulo. O que chama atenção aqui é que ele não divide o conteúdo pelas áreas tradicionais (cinema, música, teatro, etc), mas oferece este conteúdo a partir de exemplos e polêmicas que marcaram a vida cultural brasileira.

7 propostas para o jornalismo cultural: reflexões e experiência - Adriana Pessatte Azzolino

O livro organizado por Adriana Pessatte Azzolino reúne justamente sete textos de professores cujas linhas de pesquisa se conectam com o tema. São reflexões bem interessantes. Entre elas, por exemplo, o fio que Cida Golin puxa sobre a polêmica abordagem do conceito de cultura pela mídia. Geane Alzamora, minha querida orientadora de doutorado e pós-doutorado, também contribui com a discussão sobre hibridismo e experimentação.

Jornalismo cultural no século 21 - Franthiesco Ballerini

Este é o mais recente dos livros citados aqui, lançado em 2015. Sendo assim, de certa forma, Ballerini atualiza algumas abordagens. Além disso, inclui, por exemplo, discussões sobre plataformas. No entanto, quando foi publicado o Instagram, por exemplo, não tinha o alcance que tem em 2021. Outra grande contribuição são as entrevistas. O autor conversou com 49 profissionais que de uma maneira ou de outra se envolveram com a história do jornalismo cultural no Brasil.

O ideal do crítico - Machado de Assis

Este pequeno livro de Machado de Assis me foi muito útil no doutorado. Pesquisei sobre as transformações que a internet gera na crítica jornalística de cinema. A perspectiva do autor de Dom Casmurro, claro, é sobre a literatura, mas que pode ser ampliada. “A crítica útil e verdadeira será aquela que, em vez de modelar as suas sentenças por um interesse, quer seja o interesse do ódio, quer o da adulação ou da simpatia, procure reproduzir unicamente os juízos da sua consciência”. Valeu, Machado!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!