fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Jojo Todynho: a dona do hit que explodiu a internet brasileira

Por Carol Braga

23/01/2018 às 21:31

Publicidade - Portal UAI
Jojo Todynho. Crédito: Bruno Soares/Divulgação

Por Thiago Fonseca*

Preta, gorda, favelada e dona do hit mais estourado do Brasil. Jojo Maronttinni, mais conhecida como Jojo Todynho, se define assim. Bombada na internet com a música “Que Tiro Foi Esse?”, a cantora ainda não teve tempo de entender tudo o que está se passando na vida dela. É show seguido de show, participação em programas, entrevistas e muito assédio dos fãs. O público também anda perdidão. Afinal, quem é essa mulher?

Nascida e criada em Bangu (atualmente residente da Lapa), Jordana Gleise de Jesus Menezes, de 20 anos, já cantava desde a infância no coral da igreja. Também participava de eventos de música e dança no colégio. Trabalha desde a adolescência. Foi telefonista, faxineira, camelô, cuidadora de idosos, babá em playground de shopping e até vendedora de picolé.

Tem as formas avantajadas: 1,50 de altura, 90 quilos e seios com manequim tamanho 58 – naturais -, a estrela revela que sofreu muito preconceito. Hoje luta contra qualquer tipo de opressão. “O respeito ao próximo é tudo. O sol brilha para todos e temos o direito de conquistarmos o nosso espaço. Pensamento sempre positivo: eu posso, consigo, eu sou linda, sou maravilhosa!”, afirma.

O apelido Jojo tem origem óbvia: Jordana. Já Todynho, faz referência tamanho dos peitos. É uma identificação com Terezinha, personagem de Cacau Protásio no programa Vai que Cola, do Multishow. Já Maronttinni é uma invenção de JoJo Todynho. Um sobrenome artístico criado pela cantora para sua propagação na mídia e fins legais de uso autoral.

 

Crédito: Thiago Fonseca

 

Empoderada

Cheia de amor próprio, e sem papas na língua, a carioca é contra padrões de beleza impostos pela mídia. É apaixonada por quem é. Foi com essa personalidade que tudo começou.

Jojo Todynho ficou conhecida após soltar o verbo em vídeos na internet. Foi descoberta no YouTube, onde mantém um canal de autoajuda. Contribui para o empoderamento da mulherada. Fala abertamente sobre sexo e relacionamento. Sempre de forma desbocada e sincera. Após ganhar notoriedade no site, fez participação na novela A força do Querer, de Glória Perez e se jogou na carreira musical. Na metade do ano passado assinou contrato com a gravadora Universal Music para lançar o primeiro single “Sentada Diferente”.

Mesmo que a música não tenha badalado tanto, chamou atenção de quem devia: os produtores de Anitta. A rainha do pop a convidou para participar do clipe Vai Malandra, gravado no Morro do Vidigal, lançado em de dezembro do ano passado.

Todynho acomodou os seios em um biquini tamanho P, de cor dourada. Esse nem era o figurino escolhido, mas fez questão de apostar algo que chamasse atenção. Foi uma aparição rápida mas que causou. Como ela diria: Que tiro foi esse?

 

 

Tiro certeiro

Que tiro foi esse? virou meme instantâneo. Gente de tudo quanto é tipo e lugar aderiu à brincadeira. Academias, escritórios, supermercados viraram cenário para as ensaiadas. Outros artistas também entraram na onda.  Giovanna Ewbank, Bruno Galiasso, os filhos de Angélica e Luciano Huck estão entre os famosos que se renderam ao hit.

A música foi alvo de críticas. Disseram que incentiva a violência. Jojo rebate. “Que tiro foi esse é uma gíria carioca das gayrotas, minhas amigas. Significa que o look está bafônico ou que a make está poderosa. Jamais faria algo incentivando a violência”, explica.

Que tiro foi esse? tem mais de 52 milhões de visualizações no YouTube e quase 5 milhões no Spotify. É a segunda música mais tocada no Brasil. No Instagram o número de seguidores dela ultrapassa um milhão e oitocentos mil.

 

Continua após a publicidade...

 

Convites

Tamanho reconhecimento fez com que Jojo recebesse proposta para posar nua e desfilar em escola de samba do Rio. O primeiro convite foi descartado. O segundo, segue a todo vapor. Jojo desfilará pela Beija-Flor no próximo carnaval. “Estou muito emocionada, não sei explicar. É algo que está além do que vocês possam imaginar. Estou vivendo a realidade com os pés sempre no chão, com Deus dando sabedoria e discernimento. E ‘vamo que vamo’, mas sem revelar o que o futuro me espera”, comenta Todynho.

Nas horas vagas a funkeira gosta de usar as redes sociais para postar diversos vídeos sem maquiagem e sem filtro. Quer mostrar que se sente sem precisar de muito. Os internautas vão à loucura e dão boas risadas com o jeito único de Jojo falar. Ela não está nem aí para o que os outros pensam, leva a vida de maneira divertida.

No palco Jojo é figura alegre e surpreende. Esteve em BH a convite do bloco “Já é Sensação”. Todynho mostrou que tem desenvoltura. Requebra até o chão, interage com os fãs e canta com muita potência seu hit. Inclui no repertório as músicas da amiga Anitta. A autenticidade fica evidente no palco, a jovem adora tirar sarro das situações do momento e falar sobre autoestima. Ah, e ela deixa um recado: “Se o biquíni não for P, eu nem quero”.

*Sob a supervisão de Carolina Braga

 

Continua após a publicidade...

photo

Conheça o Sonastério, o mais novo (e melhor) estúdio de BH

Sonastério Por Mariana Peixoto É só olhar para esta foto para entender o porquê do nome Sonastério. “Queria fazer um estúdio único, afastado da cidade, em que o músico pudesse ter uma experiência imersiva de criação”, afirma Bruno Martins, que está à frente do projeto. Não só afastado – são 30 km de Belo Horizonte – […]

LEIA MAIS
photo

Shows do fim de semana: Roberta Sá + Zizi e Luiza Possi

Toda vez que recomendo shows no Palácio das Artes, faço questão de destacar a importância do local. Isso porque acho que poder ver (ou fazer) um show naquele palco é um privilégio. Mesmo o teatro dando sinais de que precisa de cuidados, ainda assim, é uma experiência diferente para o espectador. E é exatamente essa […]

LEIA MAIS
photo

Marcelo Chiaretti e Cristiano Vianna lançam disco instrumental

Foi da parceria de longa estrada entre os músicos Marcelo Chiaretti e Cristiano Vianna que o disco ‘Entre o Norte e o Poente’ surgiu. Um trabalho que mostra as peculiaridades musicais da dupla em 13 canções inéditas compostas em parcerias. Músicas que contam histórias e memórias de lugares de Belo Horizonte e de outras cidades […]

LEIA MAIS