Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Grupo Galpão abre comemorações de 40 anos no Festival de Curitiba

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Remontagem de Till, a saga de um herói torto é a peça escolhida pelo Grupo Galpão para iniciar a festa

Por Carol Braga | Editora

A história do Festival de Curitiba está bastante conectada com a trajetória do Grupo Galpão. Todos os espetáculos da companhia mineira passaram pelo evento e, assim, nesta que é a 30ª edição, não faltam motivos para comemorar. Principalmente porque a trupe também tem efeméride em vista. Afinal, em 2022, o Galpão completa 40 anos. Merece festa!

A remontagem de Till, a saga de um herói torto, é a primeira delas. A peça com texto de Luís Alberto de Abreu e direção de Júlio Maciel estreou na rua em 2009. Cumpriu uma linda trajetória até 2017 e, agora, volta aos palcos com modificações. Ou seja, o cenário se simplifica para que a produção se adeque aos novos tempos. 

Remontagem

“A gente volta um pouco a origem do Galpão que era pé no chão”, diz o diretor Júlio Maciel. A estrutura de Till, de fato, era grandiosa. A peça era encenada em uma grande plataforma. Agora, basta a lona no chão, os atores, os instrumentos musicais e a potência da história que a peça conta.

“É um espetáculo muito popular e que estabelece um contato muito grande com o espectador. Diminuímos a estrutura do espetáculo mas mantendo a potência. Isso deu um gás muito grande pra gente”, conta Júlio. 

A atriz Inês Peixoto, que interpreta o protagonista, lembra que quando escolheram a peça de Luís Alberto de Abreu para levar para a cena, olhavam para o texto com a esperança de estar deixando aqueles temas para trás. Mas, infelizmente, não. “Tinha uma ilusão de que o mundo estava em uma fase melhor. É uma coisa da idade média, com roupagem cômica mas que traz questões sociais. Essa dimensão ética e poética do espetáculo é muito forte”, pontua. 

Till, a saga de um herói torto conta a história de um anti-herói que usa de diversas artimanhas para sobreviver na Alemanha medieval. De acordo com a atriz, ela tem se sentido muito afetada pelo reencontrar com essa história e também com esse sujeito. “A gente ri, mas há um retrocesso. Talvez Till seja muito mais impactante hoje”, acredita.

Para o ator Eduardo Moreira, com Till, a saga de um herói torto, o grupo cumpre um de seus propósitos: fazer teatro popular. “Coloca em em prática aquilo que o Jean Vilar falava: o melhor teatro, acessível a todos”. 

Grupo Galpao por Annelize Tozetto
Grupo Galpão. Foto: Annelize Tozetto

Comemorações

Embora o momento que a cultura brasileira esteja enfrentando seja muito difícil, com bloqueio de verbas da Lei de Incentivo à Cultura por parte da Secretaria da Cultura, o Grupo Galpão planeja comemorar os 40 anos. Inicialmente estão previstas mostras com três espetáculos do repertório em Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo. Além de Till, também devem ser apresentados os espetáculos ‘De tempo somos’ e ‘Nós’. Uma nova montagem com direção de Eduardo Moreira e Júlio Maciel está nos planos, mas isso ainda depende das questões burocráticas envolvendo os bloqueios federais. 

“Estamos sendo perseguidos e bombardeados há dois anos. O primeiro sonho é conseguir atravessar esse 2022. Vamos ver o fôlego que a gente tem”, diz Inês.”É uma comemoração menor, mas o simples fato de estar podendo voltar ao palco, pra gente, é um motivo enorme de festa”, acrescenta Júlio. 

De fato, a alegria de estar em um festival de teatro está estampada no rosto dos atores. Para Inês Peixoto, o momento agora é de batalhar para que o teatro realmente faça parte do cotidiano e do desejo das pessoas. “Está lindo ver os bares cheios. Mas vá ao teatro antes de ir para o bar. É o público que vai fazer o teatro estar vivo”, completa.

Carol Braga viajou a Curitiba a convite do Festival de Teatro.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!