fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Grupo Corpo anuncia temporada popular em BH com Bengelê e Lecuona

Por Carol Braga

02/12/2016 às 18:30

Publicidade - Portal UAI
Lecuona (2004) tem música original do cubano Ernesto Lecuona. Crédito: José Luiz Pederneiras
Lecuona (2004) tem música original do cubano Ernesto Lecuona. Crédito: José Luiz Pederneiras

Lecuona (2004) tem música original do cubano Ernesto Lecuona. Crédito: José Luiz Pederneiras

Ver o Grupo Corpo é sempre bom. Rever Lecuona, porém, é a cereja do bolo desta temporada popular anunciada para o Cine Theatro Brasil entre 13 e 18 de dezembro. Os ingressos começam a ser vendidos na próxima segunda (05/12) e, como sempre, os interessados devem se apressar.

A coreografia criada por Rodrigo Pederneiras em 2004 é um momento fora da curva da companhia mineira.  Saem os conjuntos e entram lindos paus de deus, ao lamurioso e apaixonado som de Ernesto Lecuona. Sem delongas, do repertório do Corpo é o meu balé predileto e por isso acho que todo mundo precisa ver (ehehehe).

Lecuona alia o rigor técnico que faz parte da trajetória da companhia a uma delicadeza diferente. E mais: consegue ser surpreendente.

No mesmo programa o Corpo vai apresentar Benguelê (1998), espetáculo que tem trilha sonora de João Bosco, outro clássico do repertório.

Benguelê é uma coreografia de 1998 com música de João Bosco. Credito: José Luiz Pederneiras

Benguelê é uma coreografia de 1998 com música de João Bosco. Credito: José Luiz Pederneiras

NOVO PALCO

Sempre pensei que o Palácio das Artes seria o palco definitivo para o Grupo Corpo em Belo Horizonte. Não é. Depois da inauguração do Cine Theatro Brasil Vallourec o veterano perdeu a majestade. Ponto para a plateia.

Apesar de ter a mesma capacidade de público do Palácio, a sala de espetáculos da Praça 7 dá à plateia a sensação de estar mais próxima do palco. A temporada do ano passado com Parabelo e Oncotô deixou isso claro. Será melhor ainda para ver Lecuona. Uma dica: o melhor lugar no Cine Brasil é no segundo andar, o chamado 1º balcão. Sem erro.

SERVIÇO

O QUE? Grupo Corpo com Benguelê e Lecuona. QUANDO? 13 a 18 de dezembro. Terça a sábado, 20h30 e Domingo, 19h.  ONDE? Cine Theatro Brasil Vallourec (Praça Sete, Centro, 3201-5211). QUANTO? R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Venda online: www.compreingressos.com

photo

Crítica em diálogo: ‘Peça do casamento’ e os reflexos do cotidiano

Seguimos aqui com a nossa proposta de tornar a crítica de teatro cada vez mais dialógica. Convidamos Guilherme Weber, o diretor de Peça do Casamento, que esteve em cartaz no CCBB-BH, para responder – e conversar – sobre as impressões que o espetáculo causou. A seguir, você confere o texto já comentado em itálico!   […]

LEIA MAIS
photo

Plateia lotada na Praça do Papa celebra 35 anos do Grupo Galpão

Não era uma canção do repertório, mas o ‘Parabéns a você’ entoado pela plateia ao final da apresentação De tempo somos ampliou os significados da festa para o Grupo Galpão. Afinal, estamos na comemoração dos 35 anos não há combinação melhor para quem acompanha a trajetória da companhia – e vive em Belo Horizonte – […]

LEIA MAIS
photo

Produtoras de teatro infantil traçam estratégias para fomento do setor

Belo Horizonte é a capital do país que mais vai ao teatro. Foi o que revelou a pesquisa Cultura nas Capitais, da JLeiva Cultura & Esporte, em julho deste ano. Entretanto, o mercado de teatro infantil na capital mineira ainda é tímido se comparado ao adulto e enfrenta dificuldades. São poucos espetáculos do gênero em cartaz. […]

LEIA MAIS