Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Festa do Cinema Italiano: confira 5 apostas

Gostou? Compartilhe!

A 8 ½ Festa do Cinema Italiano acontece desta quinta, 27 de junho, a 3 de julho, em várias cidades do Brasil

Em 2024, o 8 ½ Festa do Cinema Italiano comemora sua 11ª edição no Brasil. Assim, entre 27 de junho e 3 de julho, 19 cidades do Brasil recebem a programação – e entre elas, claro, Belo Horizonte. São 10 filmes ao todo. Neste caldeirão, produções questionadoras e que propõem a reflexão e ruptura de paradigmas. Inspirada nos supermercados italianos dos anos 80, a vinheta deste ano foi filmada em uma
verdadeira mercearia italiana. Desse modo, traz referências a filmes clássicos italianos, tal qual a produtos de grande consumo na Itália. A atriz Ana Vilaça é a protagonista. A seguir, “ousamos” fazer uma curadoria, apontando alguns dos destaques – ma attenzione: é válido discordar.

“Ainda Temos o Amanhã”, de Paola Cortellesi

Este filme é uma verdadeira pérola. Alcança fácil a categoria de imperdível. Foi vencedor de
cinco prêmios David di Donatello: Melhor Direção Estreante, Melhor Roteiro Original, Melhor Atriz
(Paola Cortellesi), Melhor Atriz Coadjuvante (Emanuela Fanelli), Prêmio da Juventude. Como o filme teve exibição fugaz ano passado, na capital mineira (e de graça), a gente já havia escrito sobre. Confira, clicando neste link em azul. Só não se esqueça que, este ano, o filme tem acesso pago, ao contrário de 2023. Meu conselho é: não perca!

"Ainda Temos o Amanhã", com Paola Cortellesi, superou a bilheteria de "Barbie" na Itália (Frame)
"Ainda Temos o Amanhã", com Paola Cortellesi, superou a bilheteria de "Barbie" na Itália (Frame)

“O Sequestro do Papa”, de Marco Bellocchio

O filme deve entrar em cartaz nos cinemas do Brasil no dia 18 de julho, mas, aqui, na Festa do Cinema Italiano, é uma ótima oportunidade de ver primeiro. E, vamos combinar, Bellocchio já é uma legenda. O filme diz apresentar um olhar rigoroso sobre a complexidade das relações entre o Estado e a Igreja, sob um viés do gênero terror. Exibido na competição oficial do Festival de Cannes e vencedor de cinco
David de Donatello 2024, de Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Direção de Arte e Melhor Figurino,
Melhor Maquiagem e Melhor Cabelo/Penteado, o longa tece uma crítica ao moralismo católico e
se baseia em uma história real. Além disso, o filme levou o Globo de Ouro italiano, prêmio dado
pela imprensa estrangeira da Itália aos melhores filmes do ano.

“Segredos”, de Daniele Luchetti

Luchetti é o convidado especial desta edição da Festa do Cinema Italiano. Aqui, ele dirige uma adaptação do romance do autor italiano Domenico Starnone, protagonizada pelo ator Elio Germano. Dois amigos decidem confessar segredos, em muitos casos obscuros. No entanto, o que era uma brincadeira leva o espectador a questionar profundamente a natureza humana.

“Maria Montessori – Ensinando com Amor”, de Léa Todorov

Por aqui, adoramos Jasmine Trinca. Aliás, ano passado, o Culturadoria fez uma entrevista com a bella – confira clicando aqui. A produção traz um olhar inovador sobre sobre inclusão, respeito às diferenças e feminismo no início do século 20, ao se aprofundar no método criado pela pedagoga italiana Maria Montessori, pautado sobretudo na liberdade e na autonomia da criança.

“A Imensidão”, de Emanuele Crialese

Protagonizado por Penélope Cruz, foi indicado ao Leão de Ouro no Festival de Veneza de 2022. A produção aborda questões de gênero vividas por um adolescente e representa muito bem o gênero coming-of-age.

Serviço

8 1/2 Festa do Cinema Italiano Brasil

Até dia 3 de julho, no Una Belas Artes (rua Gonçalves Dias, 1.581, próximo à Praça da Liberdade)
Quanto. Ingressos a preços já praticados no citado cinema
Programação
Clique aqui

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]