Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Mostra Tiradentes: dicas do que ver na 24ª edição

Com 114 filmes disponíveis a partir do dia 23 de janeiro, a Mostra de Cinema de Tiradentes se reiventa para o formato online. Toda a programação é gratuita.
Por Carol Braga
Documentário sobre Luiz Melodia está entre os destaques da Mostra de Tiradentes. Foto: Universo Produção/Divulgação

Nas edições presenciais da Mostra Tiradentes já fica difícil escolher. Imagine, então, com todos os filmes online? Fica ainda mais complexo, né! A Mostra de Cinema de Tiradentes é conhecida por peneirar o que há de mais promissor no cinema brasileiro contemporâneo. A boa notícia é que com todos os longas e curtas disponíveis pelo site você poderá ver muita coisa. Muita mesmo!

Para ajudar na escolha, preparamos uma lista com produções que consideramos imperdíveis. Como a maioria dos filmes é inédita, são apostas, viu! 


KEVIN, de Joana Oliveira 

A produção de Minas Gerais concorre à Mostra Aurora, uma das mais incensadas de Tiradentes. É dedicada a trabalhos ousados de realizadores em início de carreira. O documentário é dirigido por Joana Oliveira, que já marcou presença em outras edições do evento como roteirista, assistente de direção e etc. Em resumo: a Joana é sensacional e nome bem forte na produção contemporânea brasileira. Neste novo trabalho, a cineasta se reencontra com uma amiga 20 depois de se conhecerem. Kevin é um filme que celebra a amizade. O UniBH, patrocinador do Culturadoria, também viabilizou a realização do longa.

Estreia: 26/01 às 20h00

EU, EMPRESA, de Leon Sampaio, Marcus Curvelo

Também selecionado para a Mostra Aurora, Eu, empresa é uma ficção que parece refletir sobre a atual mudança no mercado de trabalho. Me interessa saber se há embutida no filme uma discussão também sobre as dificuldades da economia criativa. Conta a história de um trabalhador informal que resolve criar um canal no Youtube para tentar monetizar as próprias histórias de fracasso. 

Estreia: 29/01 às 20h00

TODAS AS MELODIAS, de Marco Abujamra

Alguém duvida que Luiz Melodia é um dos maiores artistas da música brasileira? Se você ainda não conhece o trabalho dele, aposte suas fichas neste documentário dirigido por Marco Abujamra. O longa percorre a vida e a obra do cantor e compositor desde os anos 70. Entre as ilustres participações estão, por exemplo, Wally Salomão, Jane Reis, Arnaldo Antunes, Céu, Jards Macalé, Liniker, Zezé Motta.

Estreia: 23/01 às 00h00

MULHER OCEANO, de Djin Sganzerla

Mulher Oceano entrelaça a história de duas mulheres. Uma escritora brasileira que vive em Tóquio, no Japão e uma nadadora do Rio de Janeiro. Um detalhe curioso: a própria Djin interpreta as duas. O filme venceu o CinePE. A realizadora é filha de dois grandes nomes do cinema brasileiro, Rogério Sganzerla e Helena Ignez. Ela define Mulher Oceano como um “um filme feminino’.

Estreia: 23/01 às 00h00

SEMENTES: MULHERES PRETAS NO PODER, de Éthel Oliveira, Júlia Mariano

É possível fazer política de uma outra maneira. Para o lado do bem, claro. É isso que Mônica Francisco, Rose Cipriano, Renata Souza, Jaqueline de Jesus, Tainá de Paula e Talíria Petrone fazem e as diretoras Éthel Oliveira, Júlia Mariano registraram no documentário Sementes: Mulheres Pretas no Poder. O longa mostra a força das mulheres negras na campanha para as eleições de 2018

Estreia: 23/01 às 00h00

 

O documentário Sementes: mulheres pretas no poder está entre os destaques da Mostra de Tiradentes. Foto: Universo Produção/Divulgação
O documentário Sementes: mulheres pretas no poder está entre os destaques da Mostra de Tiradentes. Foto: Universo Produção/Divulgação

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!