01 fev 2018

Culturadoria para quem quer fugir do pré-Carnaval: 02 de fevereiro

Sim, o carnaval está aí mas há outras opções na cidade. Quem quer saber sobre bloquinhos e afins, clique aqui. Já quem prefere outras diversões saiba que temos Rouge, favorito ao Oscar em cartaz e as tradicionais apostas teatrais para crianças e adultos.

 

 

A forma da água

O diretor Alejandro Gonzáles Iñarritu já ganhou um Oscar especial em 2018 por um projeto de instalação. Se Guillermo del Toro levar qualquer uma das 13 estatuetas para as quais A forma da água está indicada, pronto: confirmado o poder que os mexicanos tem em Hollywood. A forma da água é uma fábula que tem os ingredientes certos, no tempo certo. Usa a magia do cinema para criticar o excesso de racionalidade do mundo. É a história de uma faxineira muda que se apaixona por uma estranhíssima criatura aquática. Fotografia e trilha sonora – com direito a Carmen Miranda – foram elementos que me chamaram atenção. Mas sobretudo, rolou uma simpatia com a protagonista interpretada por Sally. Gostei mas não é um filme que muda a minha vida não. Isso só pra te dar uma proporção é não será bom chegar ao cinema com expectativas muito altas.

 

Vale conferir essa matéria que o El País fez no início de janeiro com Guillermo Del Toro.

 

 

Palco Hip Hop – 19/02/17 – ©Pablo Bernardo

 

Palco Hip Hop

Não podemos negar a força que as danças urbanas tem hoje. Por isso a edição do Palco Hip Hop dentro do VAC é inteiramente dedicada a esta expressão artística. Esse projeto faz um trabalho muito bacana de valorização, difusão e promoção das danças que fazem parte da cultura hip hop. Claro que tem também MCs, DJs e Grafiteiros.

[O QUE] Palco Hip Hop  [QUANDO] 03 e 04 de fevereiro, sábado 20h e domingo, 19h [ONDE] Grande Teatro Sesc Palladium (Av. Augusto de Lima, 420,Centro, BH, (31) 3270-8100) [QUANTO] R$ 2 (inteira) e R$ 1 (meia).

 

 

Orquesta Atípica de Lhamas. Foto: Beth Freitas/Divulgação

Orquesta Atípica de Lhamas

Sim, foi paixão a primeira vista. Imagino que aconteça com outras pessoas que vão pela primeira vez ao show da Orquesta Atípica de Lhamas. O conjunto de BH é formado por integrantes de diversos blocos e outras bandas conhecidas da cena mineira: ICONILI, Pequena Morte, A Fase Rosa, Djalma Não Entende de Política, Frito na Hora, Chama o Síndico, Roda de Timbau, Juventude Bronzeada, Alcova Libertina, Couro Encantado e Trampulim. Cláudia Manzo, uma das vocalistas, tem um borogodó incrível. Projeto que une humor à excelência musical.

Ouça aqui o single da Orquesta 

[O QUE] Orquesta Atípica de Lhamas [QUANDO] 2 fev, 23h [ONDE] Galpão La Trupe
Av. Francisco Sá, 16, Prado [QUANTO] A partir de R$ 15 [COMPRE AQUI]

 

 

Rouge

Quem desenterrou Rouge? Rick Bonadio, o midas do pop, voltou 15 anos no tempo e fez bombar de novo a banda revelada no programa Popstar (2002). Foi uma carreira curta mas com bits como Ragatanga, Brilha la Luna é Um anjo. Li Martins (ex-Patricia), Aline, Fantini, Karin e Luciana voltaram para participar da festa carioca Chá da Alice, a mesma que promoveu o Xou da Xuxa de novo. Rouge vem causando alvoroço na internet.

[O QUE] Rouge [QUANDO] 02 de fevereiro, 22h [ONDE] Km de Vantagens BH Hall (Avenida N. Sra. do Carmo, 230, Savassi BH, (31) 3209-8989) [QUANTO] Pista Premium R$ 160 (inteira) R$ 80 (meia) Pista R$ 100 (inteira) R$ 50 (meia) [COMPRE AQUI]

 

Continua após a publicidade

 

 

 

Freddie Rock Star – The show must go on

Se tem um espetáculo que foi bem falado na temporada de 2017 é esse. Com direção de Juarez Guimarães Dias, a montagem mistura linguagens, flerta com o documentário, para contar a história do astro de rock. Entre os comentários que ouvi, muita gente destaca a performance do ator Fábio Schmidt.


[O QUE] Freddie Rock Star – The show must go on [QUANDO] 01 fev a 18 fev | Qui a Dom: 20h (exceto 8 fev a 11 fev) [ONDE] Teatro Marília [QUANTO] R$ 13 [COMPRE AQUI]

 

 

As aventuras do Doutor Botica

Entre os 35 espetáculos da história do Grupo Giramundo, As aventuras do Doutor Botica é o caçula. A montagem estreou no ano passado. São 14 bonecos de técnicas mistas, tiop vara, galo e luva. A mensagem da peça aborda valores essenciais como amizade, compromisso, tolerância, inclusão, e que num passe de mágica, os levarão para um mundo cheio de fantasias.

[O QUE] As aventuras do Doutor Botica [QUANDO] 03 fev a 04 mar | Sáb e Dom: 16h (exceto 10 fev e 11 fev) [ONDE] Instituto Museu Giramundo [QUANTO] R$19 [COMPRE AQUI]

 

Continua após a publicidade

 

 

Quem Roubou o Branco do Mundo?

Essa peça foi um sucesso nos anos 1982 e só volta agora porque tem uma mensagem atemporal e muito pertinente com nosso tempo. A trama do texto de Luciano Luppi se passa dentro de uma fábrica. As tintas competem, brigam. Para o diretor Paulo Lobo é uma metáfora do mundo que vivemos. Tem tudo para deixar uma mensagem bem pertinente para a meninada.

[O QUE] Quem roubou o Branco do Mundo? [QUANDO] 03 fev a 04 mar | Sáb e Dom: 16h30 (exceto 10 fev e 11 fev) [ONDE] Teatro Marília [QUANTO] R$ 13 [COMPRE AQUI]

Continua após a publicidade

Gostou? Compartilhe!

Artigos Relacionados

Culturadoria com as dicas para o seu fim de semana: 18 de maio

É certo que nossa culturadoria anda cada vez mais cheia. No entanto, este fim de semana o ato da escolha está ainda mais tenso. Tem coisa demaaais, minha gente! Aqui vão alguns caminhos para você apostar!     O processo Confesso que saí do cinema muito triste. Incomodada mesmo. O processo, o documentário que Maria […]

Leia Mais

Quatro motivos para conferir a exposição ‘Cartografia Imaginária: A Cidade e suas escritas’

Belo Horizonte completou no ano passado 120 anos. Suas doze décadas e um passado de 15 mil anos foram registradas na Mostra ‘Cartografia Imaginária: A Cidade e suas escritas’, em cartaz na Galeria de Arte GTO do Sesc Palladium, até o dia 8 de julho. A mostra propõe diálogo entre arte urbana, literária e visual da […]

Leia Mais

Abertas inscrições para intervenções urbanas no bairro Santa Tereza

As fachadas de nove lojas, bares e restaurantes, além do muro do metrô do bairro Santa Tereza ganharão intervenções artísticas no mês de julho. A inciativa é proposta da primeira edição do 1ª edição do TAU – Território Arte Urbana. O Projeto propõe fazer nas ruas Mármore, Divinópolis e Silvanópolis o mesmo que C.A.L.L.E realiza […]

Leia Mais

Comentários