Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Cinco contos de romance LGBTQIA+ nacionais na Amazon

Confira cinco contos bem românticos da comunidade LGBTQIA+, para ler online, através do seu celular, ou o leitor Kindle.

Por Pedro Alves Mendes | Culturador

A site de vendas Amazon, por meio de sua plataforma de leituras, chamada Kindle, vem propiciando aos escritores cada vez mais liberdade e facilidade para publicar histórias. Sem necessariamente depender de uma grande editora. A plataforma pode ser acessada do celular, do computador e do aparelho Kindle. Ela facilitou o acesso do público a leituras diversas, como produções de autores LGBTQIA+.

Concurso (In)visíveis
Livros com histórias LGBTQIA+ Foto: Canva


A plataforma traz inúmeras obras de tamanhos, gêneros e temáticas diferentes. Nessa matéria, trago algumas recomendações de contos, ou seja, livros menores, de romance LGBTQIA+ para ler na Amazon. Fique de olho e salve as recomendações em sua lista de desejos!

Escrito em algum lugar de Vitor Martins. Reprodução: Amazon
Escrito em algum lugar de Vitor Martins. Reprodução: Amazon

Escrito em algum lugar, de Vitor Martins

Você já foi no show de sua boyband ou girlband preferida? E se, na fila para comprar o ingresso da apresentação, você conhece alguém que faz as quinze horas de espera valerem a pena? Essa é a história de Escrito em algum lugar, de Vitor Martins. Antônio, de 26 anos, está na fila para comprar os ingressos do show do Triple J. E o destino coloca o jovem Gustavo ao seu lado na fila. Os dois garotos descobrem ter mais coisas em comum do que esperavam.

O autor consegue trazer assuntos como maturidade, inseguranças e padrões de beleza para um conto de romance de leitura leve. O livro nos faz questionar sobre algumas inseguranças. Qual é o problema de aos 20 anos você ver desenho animado? Ou, de quase aos 30, ainda não morar sozinho? Antônio e Gustavo ensinam aos leitores que não devemos ter vergonha de gostar do que gostarmos, ou amar quem amamos.

Vitor Martins, além de escritor, é ilustrador e tradutor. O autor já traduziu livros de várias línguas diferentes. Seus trabalhos se encontram na loja da Amazon e em livrarias físicas. O autor recentemente lançou seu mais novo livro, Se a casa 8 falasse. Vitor consegue retratar personagens diversos em suas obras, trazendo diversidade e representatividade para a literatura LGBTQIA+.

Ele salvou o meu verão de Victor Lopes. Reprodução: Amazon
Ele salvou o meu verão de Victor Lopes. Reprodução: Amazon

Ele salvou o meu verão, de Victor Lopes

Quem nunca sonhou com uma paixão durante aquela viagem para a praia? Ele salvou o meu verão, de Victor Lopes, é um típico romance clichê de verão, bem na vibe de Lucky Strike, do Troye Sivan. Samuel e Renan se conhecem na praia, por conta de um afogamento. Dali para frente, os dois personagens começam a criar laços e afetos durante esse curto período de férias. Porém, estas paixões de verão, chegam ao fim.

O conto é muito agradável de ler, com um clichê fofo, uma leitura bem fácil. Apesar dos personagens não serem muito aprofundados, pelo tamanho do livro, a história flui muito bem. Elementos bem cotidianos são vistos no livro, criando uma sensação de proximidade com o leitor. Os personagens são “gente como a gente”. O romance é bem construído, e todas as cenas são lidas com um sorriso do rosto. A história abre margem para uma dúvida de como ficará a relação entre Samuel e Renan.

O conto é a primeira parte de uma série de quatro histórias. Cada uma contada em uma estação do ano, seguindo os passos do casal. O autor também criou um perfil no Twitter para seus leitores seguirem a história dos personagens. Os demais livros também estão disponíveis na Amazon

E se eu pudesse voltar no tempo de Marie Pessoa. Reprodução: Amazon
E se eu pudesse voltar no tempo de Marie Pessoa. Reprodução: Amazon

E se eu pudesse voltar no tempo?, de Marie Pessoa

E se eu pudesse voltar no tempo? É uma pergunta que sempre fazemos. Marie Pessoa escreveu este conto sobre Clarice, uma jovem que era apaixonada por sua melhor amiga, Sofia. Mas que nunca pôde falar como realmente se sentia, pois sua amiga morreu. E o luto e a saudade tomam conta de Clarisse, que deseja voltar no tempo para reviver seus momentos com Sofia.

Diferente do restante dos contos dessa lista, esse já tem um tom mais melancólico. Além do romance difícil entre as personagens Clarice e Sofia, Marie traz à tona questões como gordofobia, inseguranças, amizade e o luto em que a protagonista constantemente se encontra. A ideia de voltar no tempo, para reviver os momentos, traz uma sensação boa. Apesar da atmosfera do livro ser triste, ainda tem seus momentos de maior alegria. Um traço interessante na escrita de Marie é o vocabulário de típico Florianópolis empregado pelas personagens. Realmente, temos a sensação de estar no sul do Brasil ao lermos a história.

O conto é a segunda obra publicada por Marie Pessoa, escritora de romances lésbicos que também fala sobre criatividade e representatividade em seu perfil pessoal e em suas obras. Recentemente, a autora fez uma releitura lésbica do musical O Fantasma da Ópera. Seu conto, chamado Quem é o Mascarado?, também está disponível da loja da Amazon.

O amor, garotas & chocolate de Nora Darzé. Reprodução: Amazon
O amor, garotas & chocolate de Nora Darzé. Reprodução: Amazon

O Amor, Garotas & Chocolates, de Nora Darzé

O Amor, Garotas & Chocolates, romance escrito por Nora Darzé, nos mostra a vida da jovem Bruna, cansada de sua rotina monótona. Ela trabalha em uma chocolateria, em um shopping de Salvador. Durante o verão a jovem tem trabalho em dobro, e acaba pesando ainda mais sua rotina. Porém, em um de seus dias de trabalho, Bruna conhece Nina, e sentimentos começam a aflorar em ambas as garotas, tudo regado a chocolates e muito romance.

Logo ao início da história, a autora já alerta os leitores sobre gatilhos de lesbofobia e bifobia. O conto consegue tratar destes temas de forma leve. É um romance rápido, que fala sobre rotina e mesmice. Além de tratar de autoaceitação, pauta recorrente no meio LGBTQIA+. Conseguimos nos colocar no lugar de Bruna e Nina. Afinal, quem não quer uma história de amor ao som de Taylor Swift? Nora Darzé também faz referência a outras obras, como Os sete maridos de Evelyn Hugo. E também a outra obra de Vitor Martins, autor citado em outro livro desta matéria.

O conto é o primeiro trabalho publicado de Nora Darzé, nascida em Salvador, Bahia. Em seu perfil, Nora também faz postagens sobre literatura e cinema. Sempre engajada em causas sociais como o movimento LGBTQIA+.

Mensagens para ler no escuro de Beatriz Montenegro. Reprodução: Amazon
Mensagens para ler no escuro de Beatriz Montenegro. Reprodução: Amazon

Mensagens para ler no escuro, de Beatriz Montenegro

Mensagens para ler no escuro, de Beatriz Montenegro, é um conto que conta histórias breves sobre certas noites dos amigos Bruno, Pedro, Yago, Júlio, Rafael e Mateus. Os amigos guardam segredos entre si, que são descobertos e resolvidos durante as histórias: Pedro se surpreende com a declaração de Bruno; Yago sente ciúmes de Júlio; e Rafael se surpreende com as ações de Mateus durante a madrugada.

O conto é dividido em três capítulos. E eles sempre começam com mensagens de texto entre os personagens. É um formato que eu até então não havia lido, com narrativas diferentes em cada capítulo. As histórias em si são breves romances. E à medida que o livro progride, as histórias vão ficando mais “quentes”. Se é que me entende. É uma leitura muito rápida, porém muito boa. Especialmente para leitores que gostam de histórias mais explícitas.

A autora também é ilustradora. E trabalhou em diversos outros livros disponíveis na plataforma Amazon. Ela também escreve e ilustra livros para plataformas como Wattpad. Mensagens para ler no escuro é seu primeiro conto publicado na Amazon.

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

Cinco contos de romance LGBTQIA nacionais