fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Quer tocar no carnaval? Confira blocos que ainda estão com bateria aberta

Faltam menos de dois meses para a folia mas ainda dá tempo de ser da bateria. Separamos cinco opções.

Por Thiago Fonseca *

13/01/2020 às 09:46 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Bloco Faraó - Foto: Vinicius Matias

Faltam menos de quarenta para o carnaval e os blocos belo-horizontinos estão ajustando os últimos detalhes. Com o crescimento da festa em BH muitos já estão com bateria fechada. É o caso do Asa de Banana, Beiço do Wando, Garotas Solteiras, Alô Abacaxi, Quando Come se Lambuza, Então, Brilha! e outros. Contudo, ainda há alguns blocos com vagas. Se você quer tocar no carnaval, separamos alguns blocos. Em geral, não é preciso saber tocar, apenas ter boa vontade e ensaiar.

Bloco Faraó

Para tocar no Bloco Faraó é preciso ter afinidade com as bandeiras levantadas. Neste ano o bloco levará para a rua o enredo Faraó de todas as vozes. Sendo assim, propõe expor as vozes que não deveriam silenciar, como por exemplo, a afro, indígena, a do candomblé e da mulher. As vagas na bateria são para Xequerê e Surdo de Marcação. Os interessados devem enviar uma mensagem na página do Instagram do bloco. Os ensaios serão realizados todas as terças e domingos em locais diferentes. Em suma, o bloco é famoso por dar vozes à movimentos políticos e sociais. O desfile será no sábado, dia 22 de fevereiro e contará com a presença de uma cantora muito badalada que já gravou a canção Faraó.

Bloco Turu Turu 

O Bloco Turu Turu, em resumo, é um tributo carnavalesco com os grandes sucessos da dupla Sandy & Junior. Para tocar no bloco, os interessados devem se inscrever por meio do link disponível na página do Instagram. Não precisa pagar nada. No Turu Turu é possível tocar surdo, Caixas claras, Agbes, Agogô e Tamborim. Os ensaios são realizados duas vezes por semana. O desfile será no sábado de carnaval, dia 22 de fevereiro.

 

Ensaio do Bloco Lua de Crixtal – Foto: Agatha França / Divulgação

Bloco Lua de Crixtal 

Criado em 2018, leva para as ruas de BH a junção do circo, Xuxa e bateria de carnaval, despertando em todos os que o acompanham nostalgia e muita diversão. Lua de Crixtal é um bloco da diversidade e tem Cristal Lopes como sua rainha. Tem a proposta de ser inclusivo e não fecha a bateria. Ou seja, qualquer pode tocar mesmo sem ter ido aos ensaios. Contudo, é importante que o interessado vá aos ensaios para os comandos. Os ensaios são realizados todos os sábados no no Armazém do Campo. O desfile será no pré-carnaval, no dia 16 de fevereiro.

Bloco Samba Beth

Novo na cidade, o bloco é uma homenagem Beth Carvalho. Sendo assim, o que não faltará no set list são canções da sambista e de grandes nomes do gênero. Nele há vagas para todos os instrumentos. São eles: Surdo, Tantam, Tamborim e Pandeiro. Não é preciso saber tocar, só ter vontade em aprender. Os ensaios são realizados todas as quartas-feiras em locais diferentes. O bloco se apresentará no dia 19 de fevereiro, na praça do bairro Jaraguá, e será fixo. A ideia é fazer uma grande roda de samba.

Bloco Putz Grilla

O bloco mais exagerado do carnaval de BH. Em resumo, é assim que se denomina o bloco Putz Grilla, que leva para o carnaval rock nacional dos anos 1980 em ritmo de samba. Sendo assim, é uma vertente de batuques da Banda Putz Grilla. Quem quiser integrar o bloco é bem-vindo. Para isso, é preciso preencher o questionário e frequentar os ensaios que são realizados todas quinta-feiras no Granfinos. Tem vaga para tocar Chocalho, Caixa e Repique. O desfile do bloco é no dia 24 de fevereiro na Avenida Getúlio Vargas.

photo

Conheça curiosidades sobre a peça Neblina

Se o comum é que cada espectador diante de uma peça procure significados para aquilo que está vendo, é recomendado a quem for ver Neblina abrir mão disso. Não pense demais e nem ache que existe um conceito para tudo o que está no palco – embora haja. A montagem com direção de Yara de […]

LEIA MAIS
photo

Confira dez peças infantis na Campanha que a garotada vai amar

Dando sequência à nossa curadoria, em meio a tantas peças em cartaz na Campanha de Popularização Teatro e Dança, temos agora a lista para as crianças. Nesta edição, serão 16 peças infantis, desses, sete são estreantes. Confira nossas dez apostas. Seja como for, elas chamam atenção pela produção, pesquisa, montagem diferenciada e por aí vai. […]

LEIA MAIS
photo

Quem é Hot e Oreia: os rappers que se inspiram na dramaturgia, política e religião

As referências da dupla de rappers mineiros Hot e Oreia inclui nomes consagrados da dramaturgia brasileira, como Jorge Amado e Ariano Suassuna, além de ícones da MPB,  como Caetano Veloso e Gilberto Gil. Esses sagitarianos com ascendente em peixes se conheceram nas batalhas de rap que acontecem sob os viadutos e fazem Belo Horizonte ser conhecida nacionalmente. […]

LEIA MAIS