Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Comida di Buteco começa dia 05 de abril

Gostou? Compartilhe!

Comida di Buteco será de 05 de abril a 05 de maio. Em 2024, o tema é livre para a criação dos petiscos concorrentes

Por Carol Braga

Ao subir a estreita escada em uma portinha na rua dos Tamóios, no número 232, em Belo Horizonte, os clientes são recebidos com sorriso largo no rosto. Não apenas pelo dono da casa, Francisco de Assis Macedo, o Assis, mas pela família inteira. A alegria está clara e o motivo também. Depois de 35 anos de funcionamento, será a primeira vez que o Beco Restaurante participa do Comida di Buteco. 

Comida di Buteco. Foto: Maykel Douglas
Comida di Buteco. Foto: Maykel Douglas

“Estou realizando um sonho, porque desde o início que eu tentava entrar no Comida de Buteco e não conseguia entrar. Estou maravilhado, com uma expectativa enorme”, diz. A presença do dono, participar ativamente da criação do prato, do atendimento e de todas as etapas é um requisito primordial para a admissão de um novo participante. Em resumo: o propósito do concurso é “transformar vidas através da cozinha de raiz”.

É o que pelo menos há três décadas marca a vida da família de Assis. Duas gerações da família já estão na ativa. “Tudo que a gente teve hoje é devido ao balcão do buteco”, acrescenta a filha Rayssa Macedo. 

Edição 2024

O concurso gastronômico que nasceu em Belo Horizonte no ano 2000 cresceu – e muito. Hoje é realizado, simultaneamente em mais de 40 cidades, no período de 05 de abril a 5 de maio. Assim, ao todo, são 1.100 butecos disputando o título de melhor do Brasil. Somente em Belo Horizonte, são 121 concorrentes.

Em 2024, o tema é livre e o preço do prato é tabelado em R$35. Ou seja, cada participante pode criar a sua própria receita. Desde 2016, o Comida di Buteco tem duas etapas. A primeira, regional, seleciona os melhores de cada cidade. Depois, na etapa nacional, o corpo de jurados elege o melhor buteco do Brasil.

Os quesitos avaliados são atendimento, temperatura da bebida, higiene e petisco. Mas, os pesos são diferentes. O petisco leva 70% do peso da nota e as demais categorias 10% cada uma.

Curadoria

De fato, escolher entre os mais de 100 bares é uma tarefa bastante difícil. Uma dica é buscar pelo ingrediente preferido ou pela região onde você pretende frequentar. Por isso, elaboramos um mapa com a localização de todos os participantes. A região Oeste, de Belo Horizonte, tem a maior concentração. São 22 participantes nos bairros Prado, Nova Suíça, Estoril e Buritis. A região centro-sul é a segunda maior participação, com 20.

Bolinhos, costelas e molhos

Para quem gosta de bolinho, são 15 opções na lista. Entre eles, por exemplo, tem o bolinho de torresmo, recheado de queijo canastra, acompanhado de geleia de pimenta com cachaça, prato servido pelo Bar do Bem (Rua Vicentina Coutinho Camargos, 100 – Loja 1 E 2 | Álvaro Camargos). A opção do Mercado Bom Grill (Avenida Augusto de Lima, 744 – Lojas 08 a 12 – Mercado Central) também parece interessante. A Boleta é um prato com bolinho de abóbora recheado com carne de porco com banana-da-terra e barbecue de goiabada.

Campeão em diversas edições, o Café Palhares também aposta no bolinho: costelinha suína frita, com toque de melaço e a crocância da castanha-de-caju, acompanhada de bolinhos de canjiquinha com queijo canastra e mostarda caseira em grãos.

Inclusive, a costelinha suína também é um ingrediente comum em vários pratos. Marca presença em pelo menos 18 opções. Entre elas, tem por exemplo, combinação com linguiça caseira, assada à moda da casa, dadinho de costelinha desossada à pururuca, entre outros.

Em 2024, também chama a atenção a variedade de molhos. Ou seja, mais da metade dos pratos tem algum tipo de caldo como acompanhamento. É o caso, por exemplo, do Beco Restaurante, do Assis. O copa lombo exótico vem com carne de porco com molhos de limão siciliano e kiwi, acompanhado de batatas rústicas. “O diferente para mim está no molho. É uma coisa que ficou fantástica. Casaram os dois”, garante. 

Comida di Buteco 

05 de abril a 05 de maio. 

Preço dos pratos: R$35.

Café Palhares. Foto: Maykel Douglas
Café Palhares. Foto: Maykel Douglas

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]