Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Cliver Honorato realiza circulação do show “Indolente Malandragem” 

Gostou? Compartilhe!

O músico Cliver Honorato vai começar a circulação neste sábado, dia 20 de abril, no Centro Cultural Liberalino Alves (Regional Noroeste)

Cliver Honorato, músico que vem despontando no cenário da música independente autoral, realiza a circulação do show “Indolente Malandragem (com convidados)”, no mês de abril, em diferentes regiões de Belo Horizonte. A primeira apresentação será neste sábado, 20 de abril, no Centro Cultural Liberalino Alves (Regional Noroeste). Já no dia 27 de abril, no Centro Cultural Bairro das Indústrias, localizado na região do Barreiro. Finalmente, no dia 11 de maio, no Centro Cultural Zilah Spósito (Região Norte). 

Durante as apresentações, Cliver terá a companhia de Fillipe Glauss (guitarras). Nesse trabalho, o artista apresenta faixas inéditas e autorais, explorando novos timbres e experimentações sonoras. O cerne temático do espetáculo “Indolente Malandragem” aborda opressões sociais contemporâneas.

O músico Cliver Honorato, que se apresentará em três regionais a partir do dia 20 de abril, e até maio (Felipe de Oliveira/Divulgação)
O músico Cliver Honorato, que se apresentará em três regionais a partir do dia 20 de abril, e até maio (Felipe de Oliveira/Divulgação)

Questões em pauta

Assim, por meio da música e performance, Cliver Honorato busca trazer à tona questões que considera cruciais, e que, entende, afetam as comunidades urbanas e as pessoas que nelas vivem. “No contexto das grandes cidades, as opressões sociais podem assumir diversas formas”, diz ele. Assim, cita a desigualdade econômica, a discriminação racial e a marginalização de grupos sociais. Tal qual, gentrificação, violência urbana e alienação. “Tento criar um espaço de reflexão e conscientização”, explica 

Ao trazer tais temáticas para o show, Cliver Honorato busca despertar a consciência do público para os desafios enfrentados pelas comunidades urbanas. Ou seja, desse modo, destacar a importância de uma sociedade mais justa e inclusiva. Assim, ele acredita que a música e a performance possam se tornar ferramentas poderosas para transmitir mensagens e gerar empatia. Portanto, permitindo que o público se conecte emocionalmente com as narrativas e experiências compartilhadas.

Artistas convidados

A cada regional, nos shows, Cliver contará com a participação de um artista convidado. Entre eles estão o compositor, cantor e violonista Júlio Marotta, o cantor e violonista Edimar Boaventura e a poetisa e slammer Xiatitia. Os convidados são artistas locais atuantes nas regionais onde ficam os Centros Culturais que realizarão as apresentações.

Além das apresentações nos centros culturais, o projeto também prevê um show de encerramento. A data será divulgada em breve. Este contará com a participação dos três artistas locais de cada regional. Haverá registro em áudio e audiovisual. O resultado, tanto na íntegra quanto faixa a faixa, irá para plataformas como YouTube, Spotify, Deezer e iTunes, entre outras.

O artista

Cliver Honorato gravou, recentemente, o segundo álbum de carreira, “Indolente Malandragem”. O primeiro, autoral e independente, ele lançou em 2017. A partir dali, passou a se apresentar em teatros, casas noturnas, festivais e centros culturais, tanto na capital mineira quanto Brasil afora. Recentemente, também passou por palcos internacionais. Ele se formou em Música pela Universidade Estadual de Minas Gerais.

Serviço

Circulação do show “Indolente Malandragem” com convidados

Quando. Aos sábados

20/4 –  Centro Cultural Liberalino Alves (Rua Formiga, 140, Lagoinha), às 15h.

27/4 – Centro Cultural Bairro das Indústrias (Rua dos Industriários, 289, Bairro das Indústrias, Barreiro), às 15h.

11/5 –  Centro Cultural Zilah Spósito (Rua Carnaúba, 286, Zilah Sposito), às 11h30

Quanto. A entrada é gratuita

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]