Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Clint Eastwood: Cinco filmes para ver no Streaming

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Conheça filmes de Clint Eastwood, que se consagrou no mercado cinematográfico atuando, dirigindo e produzindo

Por Maria Luiza Cunha | Culturadora

Clint Eastwood é um renomado ator, diretor norte-americano. É uma referência para muitos profissionais do audiovisual por seu talento e versatilidade. 

Clint Eastwood em 'Três Homens em Conflito' Foto: MGM/Fox
Clint Eastwood em 'Três Homens em Conflito' Foto: MGM/Fox

Os primeiros papéis de maior destaque foram em filmes do gênero western, mais conhecido como faroeste. Interpretou homens “durões” e anti-heróis. Assim, conquistou espaço na indústria que transbordou o gênero e mesmo o posto de ator. Clint é um excelente diretor. 

Cry Macho: O Caminho para a Redenção, disponível na HBO Max é o lançamento mais recente. Mas também há diversos filmes nos quais ele atuou e/ou foi diretor que estão disponíveis em plataformas de streaming.

Por isso, selecionamos cinco filmes do artista que estão nos catálogos desses serviços. Se você curte o estilo das obras em que Eastwood esteve envolvido ou gostaria de conhecê-las, aproveite!

Três Homens em Conflito (1966), direção de Sergio Leone

Três homens em conflito (1966), dirigido por Sergio Leone, se tornou um clássico do gênero western. Provavelmente você conhece a trilha sonora deste filme, criada pelo maestro italiano Enio Morricone, mesmo sem ter assistido à ele.

O longa-metragem tem a Guerra Civil Americana como plano de fundo. Na narrativa, três homens, o “Bom” (Clint Eastwood), o “Mau” (Lee Van Cleef) e o “Feio” (Eli Wallache), estão atrás de uma fortuna perdida. Cada um deles tem um fragmento de informação sobre a localização do dinheiro e por isso eles precisam se unir, mesmo sem estarem dispostos a dividir o valor.

Sendo assim, o longa é um dos maiores representantes do western-spaghetti. Ou seja, uma ramificação do western, em que os filmes eram gravados na Itália e tinham um estilo mais animado e alegre que os filmes de faroeste norte-americanos. 

Três homens em conflito encerrou a trilogia de Sergio Leone conhecida por Trilogia dos Dólares, que também era composta por Por um Punhado de Dólares e Por uns Dólares a Mais. 

Gran Torino (2008), dirigido por Clint Eastwood

Gran Torino (2008) conta a história de uma amizade entre um homem aposentado e preconceituoso e um garoto de família oriental. A relação improvável começa quando o menino se muda para o bairro onde o senhor vive.

O jovem tenta arrombar o Gran Torino 1972 de Walt Kowalski (Clint Eastwood), um veterano da guerra da Coréia, como teste de iniciação em uma gangue. Porém, o adolescente é pego. Com o fracasso na prova, Kowalski decide proteger o garoto da gangue. Aos poucos os dois desenvolvem uma relação de amizade e mentoria.

Menina de Ouro (2204), dirigido por Clint Eastwood

Em Menina de Ouro (2004), Clint Eastwood não só atuou, como dirigiu e produziu. 

O filme trata sobre o cenário do boxe, mas fala sobre muito mais que isso. Ou seja, o foco do longa é a jornada de uma lutadora. Sendo assim, narra a história de Maggie (Hilary Swank). Ela sonha em se tornar uma boxeadora. Para isso, insiste que Frankie Dunn (Clint Eastwood), um profissional que agenciou e treinou grandes boxeadores, a treine. Dunn inicialmente reluta, mas depois decide trabalhar com ela.

Maggie evolui aos poucos no boxe. É possível acompanhar todos os sacrifícios e dificuldades que ela enfrenta. Em certo momento, há uma reviravolta que é consequência da entrega dela em busca da realização de um sonho.

Menina de Ouro ganhou o Oscar de Melhor Filme, Eastwood de Melhor Diretor, Hilary Swank de Melhor Atriz e Morgan Freeman de Melhor Ator Coadjuvante. 

Os imperdoáveis (1992), dirigido por Clint Eastwood

Os imperdoáveis (1992), dirigido e protagonizado por Eastwood, conta a história de pistoleiros prestes a se aposentarem que se unem a um jovem em um último trabalho.

William Munny (Clint Eastwood), que antes fora um assassino cruel, e que se torna um fazendeiro viúvo e pai de dois filhos, é recrutado por Schofield Kid (Jaimz Woolvett). O jovem oferece metade de uma recompensa de mil dólares para que Munny o ajude a se vingar de dois cowboys que fizeram mal uma prostituta no vilarejo de Big Whisky. Munny aceita a oferta e convida um antigo amigo, Ned Logan (Morgan Freeman), para a missão.

O filme recebeu o Oscar de Melhor Filme, Melhor Diretor (Eastwood), Melhor Ator Coadjuvante (Gene Hackman) e Melhor Montagem.

Sobre meninos e lobos (2003), dirigido por Clint Eastwood

Sobre meninos e lobos (2003) conta apenas com a direção de Clint Eastwood. A atuação ficou por conta, em grande medida, de Sean Penn, Kevin Bacon, e Tim Robbins, que interpretaram Jimmy Markum, Sean Devine e Dave  Boyle, respectivamente.

O longa-metragem é um drama pesado sobre uma amizade abalada pelo trauma e pela violência. Jimmy, Sean e Dave, três amigos de infância, se separam quando Dave é sequestrado e sofre abusos. Anos mais tarde, quando a filha de Jimmy é assassinada, eles se reencontram, mas em meio a muita desconfiança.

Os atores Sean Penn e Tim Robbins ganharam o Oscar por suas performances na obra.

Clint Eastwood. Foto: Amy Sussman
Clint Eastwood. Foto: Amy Sussman

Maria Luiza Cunha é jornalista em formação e colaboradora do Culturadoria. Ama entrevistas, ler e colecionar curiosidades.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!