fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

CineOP 2018 resgata vanguarda tropical e homenageia Maria Gladys

Por Thiago Fonseca *

14/06/2018 às 10:10 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Foto: Leo Lara / Divulgação

A CineOP chega à sua 13ª edição consolidada como um evento que pretende discutir e debater a história, a preservação e a educação. Até segunda-feira, dia 18, a CineOP exibirá 134 filmes, de 12 estados brasileiros e três países. Serão distribuídos nas mostras Contemporânea, Preservação, Homenagem, Histórica, Educação, Sessão Especial, Mostrinha e Cine-Escola.

Além disso, Ouro Preto ainda será palco de shows, encontros, discussões, debates e oficinas sobre a produção audiovisual. O tema é “Vanguarda Tropical: Cinema e as Outras Artes”. A homenageada é a atriz Maria Gladys. A proposta do eixo curatorial é levar ao evento atividades e filmes que convidem o público a compreender as relações do cinema brasileiro com seu passado e o tropicalismo.

Segundo Lila Foster, uma das curadoras da mostra, a temática visa a troca e a experimentação do marco do tropicalismo. Desse modo, abordar a produção cinematográfica brasileira durante o regime militar e a implantação do Ato Institucional nº 5 (AI-5), em 1968. “Pesquisamos uma temática histórica e fizemos uma costura com a temática dos filmes de diferentes épocas que se encaixassem no tema. Foi um processo de pesquisa grande. Em alguns casos tivemos que ir atrás das famílias que detém a posse dos filmes”, explica Lila.

 

Maria Gladys homenageada da 13º CineOP – Foto: Leo Lara / Divulgação

Homenagem a Maria Gladys

De acordo com a curadora, um dos filmes que deu trabalho para ser adquirido foi o documentário ‘Maria Gladys, uma atriz brasileira’, de 1980.  O longa, dirigido e roteirizado por Norma Bengelll, foi feito em 35mm e só havia uma cópia em acervo. A fim de levar o filme para a Mostra a produção teve que digitalizar a preciosidade. Ele será exibido na abertura do evento, nesta quinta-feira, dia 14, às 20h30.

“Gladys merece ser homenageada a partir do momento que sua presença foi destaque do Cinema Novo e cinema marginal nos anos 1960 e 1970. Ela ainda foi uma figura importante para vários cineastas”, ressalta Lila. Nascida no Rio de Janeiro em 1939, Gladys tem 60 anos de carreira. Seja como for, carrega consigo todo o sentimento de uma geração de artistas marcada pela liberdade, performance e resistência ao status, segundo a curadoria. Dessa forma, ainda tem no currículo grandes trabalhos.

 

 

Programação diversificada

Quem for à CineOP também poderá conferir outras atrações. Além de toda programação voltada para o cinema a Mostra também valoriza a cultura em diversas vertentes. Prova disso, são os shows. O mineiro Marcelo Veronez e baiano Tom Zé, por exemplo, são atrações confirmadas. No domingo, dia 17, a exibição dos filmes dará uma pausa para o jogo do Brasil x Suíça. A programação completa você confere aqui.

 

photo

Confira os vencedores da 22ª Mostra de Tiradentes

Depois de uma edição extremamente politizada, com filmes e discussões muito ricas sobre o estar no mundo contemporâneo, a 22ª Mostra de Cinema de Tiradentes terminou com uma energia estranha. A tragédia em Brumadinho mudou a vibração de quem estava no festival para refletir e celebrar o cinema. A cerimônia de premiação começou com um […]

LEIA MAIS
photo

Lei Municipal de Incentivo à Cultura muda e amplia acesso a benefício

  Por Thiago Fonseca* Uma nova plataforma de inscrição, distribuição dos recursos em todas as regionais da cidade, reconhecimento de algumas áreas culturais como o patrimônio imaterial, a possibilidade de circulação dos projetos no país e no mundo e a aprovação de projetos plurianuais estão entre as novidades no edital da lei municipal de incentivo à […]

LEIA MAIS
photo

CineBH 2018 fomenta setor audiovisual e amplia diálogo com outras artes

O projeto mineiro ‘A professora francês’, do diretor Ricardo Alves Jr. e produção de Thiago Macêdo Correia, da ‘EntreFilmes’ foi o grande vencedor do 9º Brasil CineMundi – 9th International Coproduction Meeting. O evento, realizado como parte importante das atividades da Mostra CineBH é o “braço” voltado para o fomento à produção audiovisual. Durante os seis dias […]

LEIA MAIS