Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Cinema dinamarquês: 5 filmes para conferir nos serviços de streaming

O país já conquistou quatro estatuetas de melhor filme internacional na história do Oscar

Que atire a primeira pedra quem nunca pegou o controle remoto ou o smartphone e navegou por incontáveis minutos frente à ampla oferta de títulos disponíveis nos serviços de streaming, sem saber o que escolher. As opções vão muito além dos blockbusters, com catálogos capazes de agradar aos mais diferentes públicos.

Se você acha que este pode ser o dilema de pouca gente, é melhor rever os seus conceitos. Isto porque, o número de pessoas que consomem, diariamente, conteúdos de diversos serviços de streaming no Brasil é considerável. De acordo com dados da pesquisa realizada pela divisão de Mídia da Nielsen Brasil, [pasmem!] este é um hábito de mais de 40% dos brasileiros!

E os amantes do cinema europeu têm muito o que curtir em terras de streaming. As opções vão muito além dos clássicos franceses e italianos. As produções dinamarquesas têm chegado, ainda que em passos mais lentos, aos catálogos. 

Lembrando, inclusive, que, neste ano, o vencedor do Oscar de melhor filme internacional foi, justamente, o dinamarquês Druk: mais uma rodada. Este foi o quarto prêmio que o país levou para casa na categoria.

Se você é do time dos amantes do cinema de outras partes do mundo, confira a lista com cinco filmes dinamarqueses, três deles do diretor Thomas Vinterberg, que você pode conferir em diferentes streamings!

Druk – Mais uma rodada

Seria impossível não começar a lista com o filme de Thomas Vinterberg e Mads Mikkelsen que garantiu uma estatueta do Oscar 2021. No longa, quatro professores testam a teoria de que todos temos um déficit de 0,05% de álcool em nosso sangue e que, quando compensada constantemente, colocaria o homem em uma condição mais favorável. Junto ao experimento, dramas pessoais e profissionais, relações sociais e o consumo do álcool ganham forma.

Onde ver Druk?

Um Plano Quase Perfeito

Junte dois casais dinamarqueses, um assassino russo e uma assassina inglesa: você terá um plano quase perfeito! A comédia de 2017 prova que nem só de drama vive o cinema dinamarquês. O filme arranca algumas boas gargalhadas e, ao mesmo tempo, carrega uma estética por vezes mais sombria, com cores e atuações carregadas na medida certa. Por aqui, o ditado se inverte: seria trágico, se não fosse cômico!

Onde ver:

A Comunidade

O drama, também de Thomas Vinterberg, de 2016, tem uma fotografia incrível que nos dá a sensação de estar em um álbum dos anos 70. A narrativa nos faz questionar: o que faz com que uma comunidade nasça e, sobretudo, o que faz com que ela estremeça? Em meio às relações firmadas, desejos pessoais, solidariedade e emoções unem aqueles que escolhem estar juntos.

A Caça

Este é mais um drama do diretor Thomas Vinterberg que faz valer a aposta no cinema dinamarquês. No longa de 2013, Lucas, o protagonista, decide recomeçar a sua vida. Um divórcio, um novo emprego e uma nova namorada são pano de fundo do recomeço que tem uma reviravolta após uma acusação de abuso. O ódio da comunidade ao seu redor é desencadeado e uma verdadeira caça se inicia.

Você desapareceu

No drama de 2017, um professor é acusado de desviar verba da escola que dirige. Em paralelo, ele é diagnosticado com um tumor no cérebro que poderia, ou não, tê-lo levado às mudanças de comportamento em ambiente de trabalho e familiar. A ruína de uma carreira e de um casamento são colocados em cheque enquanto o julgamento do caso acontece. E, ao espectador, cabe se questionar: até que ponto enxergarmos as transformações no outro e, mais ainda, quando as nossas próprias fragilidades desaparecem frente aos nossos olhos?


Por Mariana Gualberto | Culturadora

Jornalista, mãe do Tom e apaixonada pelo universo da cultura e da maternidade. Faz malabarismos com o tempo, para aproveitar todos prazeres da jornada.

A Caça. Foto: Telecine Play/Divulgação

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!