Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Grupo Galpão faz nova temporada de “Cabaré Coragem” em BH

Gostou? Compartilhe!

Em cartaz de 28 de fevereiro a 24 de março, no Galpão Cine Horto, “Cabaré Coragem” mescla dramaturgia, música ao vivo e dança 

“Cabaré Coragem”, mais recente espetáculo do “Grupo Galpão”, estreou oficialmente em junho de 2023. A partir daí, circulou por cinco capitais do Nordeste e no Rio de Janeiro. A boa notícia é que a montagem está de volta a BH – precisamente, no Galpão Cine Horto. Assim, ao mesclar músicas interpretadas ao vivo com números de variedades e danças, fragmentos de textos de Brecht e dramaturgia própria, o “Cabaré Coragem” convida o público a uma viagem sonora e visual. As apresentações serão realizadas de 28 de fevereiro a 24 de março, de quarta a domingo, sempre às 20h, no Galpão Cine Horto. 

Com direção de um dos integrantes do grupo, o ator e diretor Júlio Maciel, o espetáculo conta com direção musical, trilha e arranjos de Luiz Rocha. Já a dramaturgia, coletiva, teve a supervisão de Vinicius de Souza. Além disso, a montagem traz cenários e figurinos de Márcio Medina, bem como iluminação de Rodrigo Marçal. No elenco, estão os atores Antonio Edson, Eduardo Moreira, Inês Peixoto, Luiz Rocha, Lydia del Picchia, Simone Ordones e Teuda Bara. 

Em cena, "Cabaré Coragem", mais recente espetáculo do Galpão (Beto Hektor/Divulgação)
Em cena, "Cabaré Coragem", mais recente espetáculo do Galpão (Beto Hektor/Divulgação)

O início, lá atrás

O ator e diretor Júlio Maciel lembra o início da empreitada, quando o grupo se sentou ao redor da mesa de trabalho na busca por um novo espetáculo. Como sempre, recorda ele, vieram muitas ideias, “uma enxurrada de sonhos e vontades”. “Líamos Bertolt Brecht à procura de inspiração e para entender o caos político e social em que vivíamos, enquanto uma persistente pandemia nos assombrava”. Maciel rememora que alguns encontros eram acalorados. Assim, em um deles, alguém disse a palavra “Cabaré”. Foi meio que uma centelha.

Naquele instante, conta o artista, os olhos dos atores se acenderam. “Logo depois, fomos inundados por indagações. Um Cabaré Brecht? Um Cabaré Brasileiro? Um clássico? Jovem? Contemporâneo? Político? Feroz? Drag? Vedete? Teatro de Revista? E o teatro? O que diferencia o Cabaré do Teatro? Seria uma peça sobre um Cabaré de Beira de Estrada? Um Inferninho, com tipos excêntricos? Ou um show, uma festa de reencontro com o público?”. 

Tudo ao mesmo tempo agora

Em outras palavras, como explica Júlio, todos queriam tudo. “Estávamos famintos de gente”. Ou seja, movidos pela saudade, os integrantes queriam juntar as pessoas. Assim, a partir de desejos pessoais, começaram a preparar canções e números de variedades para o “Cabaré”. “(Tal qual) Reativamos nossa banda e convidamos muitos amigos criadores, que, corajosamente, aceitaram embarcar nessa nau para o desconhecido”, diz.

Tais artistas levaram o grupo por diversas rotas, de forma a que conhecessem várias paisagens. “E assim, em junho de 2023, estreamos no nosso centro cultural, Galpão Cine Horto”. Logo depois da temporada em Belo Horizonte, os integrantes pegaram estrada e percorreram o Nordeste e o Rio de Janeiro, sempre com ingressos esgotados. “Foram encontros deliciosos, de muita festa e alegria. Hoje, regressamos à nossa casa, ávidos por reencontrar nosso querido público mineiro”, diz Júlio. Ele emenda com um recado: “Venham para o ‘Cabaré Coragem’, a gente te espera!”

Temática

Responsável pela supervisão dramatúrgica, Vinicius de Souza explica que “Cabaré Coragem” – cujo nome faz menção à icônica personagem de Brecht, “Mãe Coragem” – é um espetáculo que, por meio da música e do humor, permite que as pessoas reflitam sobre o velho sistema em que vivem. Um sistema no qual alguns poucos levam uma vida de privilégios, enquanto a maioria sente fome.

Experimentos

“Desse modo, o espetáculo nasceu de uma série de experimentos cênicos realizados pelo Grupo Galpão nos últimos meses”, situa Vinicius. E eles se deram a partir de pesquisa sobre a linguagem do cabaré – que mistura música, teatro, dança – e a obra poética e musical de Bertold Brecht.

Assim, a mistura de experimentos resultou em um divertido e irônico show de variedades. Nesse sentido, os atores e atrizes encarnam figuras de um decadente cabaré, onde apresentam números de canto, dança, acrobacia e outros entretenimentos. “Porém, todos eles misturados à plateia, que também é convidada a beber e a cantar”. No entanto, ao modo das personagens de Brecht, as figuras desse cabaré são extremamente carentes. “Vítimas da guerra e da exploração, esquecidas ou marginalizadas, mas cheias de sonhos e pulsões de vida”, conta Vinicius.

Um jogo vivo

Para a atriz Inês Peixoto, a nova temporada de “Cabaré Coragem” tem muitos motivos para ser festejada. Primeiramente, por ter sido o primeiro processo de criação presencial do Galpão após a pandemia. Bem como pelo fato de ter sido um processo que teve várias etapas de compartilhamento com o público. “Assim, nos colocando num jogo vivo para borrar as fronteiras entre ator e espectador”.

Inês Peixoto prossegue lembrando que a personagem que interpreta, em um certo momento da peça, diz: ‘Sejam bem-vindxs ao ‘Cabaré Coragem’, este buraco quente, no qual nossas paixões e nossos tormentos são colocados sobre a mesa”. Na sequência, ela diz que esses ingredientes (paixões e tormentos) são, ali temperados no caldo da ironia, do deboche, do delírio e da música!”. “Ou seja, ninguém sairá ileso daqui!. Está feito o convite! Esperamos vocês!”, reforça Inês. 

Serviço

Quando. De 28 de fevereiro a 24 de março de 2024, de quarta a domingo, às 20h. As sessões às sextas e sábados terão interpretação em Libras.

Onde. Galpão Cine Horto (Rua Pitangui, 3.613, Horto) 

Quanto. Ingressos: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia)

Venda de ingressos pela (sympla.com.br/grupogalpao) ou na bilheteria do teatro, 1h antes da apresentação (pagamento em dinheiro e pix)

Duração: 90 minutos | Gênero: musical | Classificação: 16 anos 

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]