Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

14º Seminário Beagalê debate saúde mental na Funarte MG

Gostou? Compartilhe!

Com a temática “Práticas inclusivas em saúde mental nas bibliotecas públicas”, a nova edição do Beagalê acontece na Funarte MG

Nos dias 20 e 21 de maio, segunda e terça-feira, a Funarte MG recebe o 14º Seminário Beagalê. A iniciativa, vale lembrar, nasceu em 2007, com o objetivo de promover encontros e discussões nos campos da leitura, literatura, livros e bibliotecas. Nesta edição, o tema do Beagalê é “Práticas inclusivas em saúde mental nas bibliotecas públicas: perspectivas sobre a democratização do acesso”. Assim, durante dois dias de seminário, serão ofertadas mesas redondas, conferência e oficinas com especialistas no tema.

Meiry Geraldo, musicoterapeuta, que integra a Cadda MG e a diretoria da Asatea MG (ARQUIVO PESSOAL)
Meiry Geraldo, musicoterapeuta, que integra a CADDA MG e a diretoria da ASATEA MG (Arquivo Pessoal)

O intuito é encontrar caminhos para o aprimoramento do atendimento, nas bibliotecas, de públicos diversos como: pessoas com transtorno do espectro autista (TEA), transtorno bipolar, depressão, esquizofrenia, entre outras psicoses, demência, deficiência intelectual e transtornos de desenvolvimento. As inscrições para participação na programação são gratuitas e podem ser feitas pelo Google Forms. O 14º Seminário Beagalê é realizado pela Prefeitura de Belo Horizonte em parceria com o Instituto Lumiar.

Abertura

A abertura do seminário Beagalê, na segunda (20/05), será a partir das 9h30. Durante a manhã, o público terá acesso à conferência “Práticas inclusivas em saúde mental nas bibliotecas públicas: perspectivas sobre a democratização do acesso”. Galeno Amorim, jornalista, autor de 18 livros, ex-presidente da Biblioteca Nacional e do Cerlalc/Unesco, vai ministrá-la. Ele é responsável pela criação do Plano Nacional do Livro e da Leitura (PNLL). Amorim é, ainda, o atual presidente da Fundação Observatório do Livro e da Leitura.

Sob mediação de Kátia Mourão (Biblioteca Pública Infantil e Juvenil de Belo Horizonte), a proposta para a mesa de abertura do Beagalê é abordar formas de potencializar o uso da biblioteca como ferramenta de inclusão sociocultural da comunidade local.

Arte e Inclusão

No mesmo dia, na parte da tarde, os trabalhos do Beagalê ocorrem das 13h30 às 15h30. No início, com a mesa de debate “Arte e inclusão: o fazer artístico e cultural”. Assim, experiências inclusivas nos campos da literatura e música, com foco na promoção da saúde mental, virão à tona. Um dos convidados é Sandro Boaventura. Além de ator, ele é psicanalista, formado em Letras pela UFMG, atualmente mediador de oficinas de “Letras e Performance” na rede de Saúde Mental do SUS-BH. Tal qual, participa da mesa a musicoterapeuta e fundadora da Galeria AUT, Meiry Geraldo, que integra a CADDA MG e a diretoria da ASATEA MG.

A mediação é de Alison Barbosa (Bibliotecário do Centro Cultural Vila Marçola). Em seguida, das 16h às 18h, acontece, no Beagalê, a oficina Introdução à Biblioterapia e o uso do acervo das bibliotecas públicas, ministrada pela bibliotecária, psicóloga, doutora e mestre em Ciência da Informação, Marina Nogueira.

Terça-feira

Na terça, (21/05) a agenda do Beagalê abre, às 10h, com o tema “A biblioteca como espaço de cuidado e acolhimento:  experiências intersetoriais”. Desse modo, o objetivo é contribuir para a criação e o fortalecimento da biblioteca como espaço de cuidado voltado para abarcar todos os públicos. Assim, trazendo a transdisciplinaridade e a intersetorialidade como instrumento de articulação entre os setores diversos. No mesmo dia, a partir das 14h, Juliana Morganti, professora e biblioterapeuta, ministra oficina sobre Saúde mental das(os) profissionais que atuam nas bibliotecas.

Temática

O tema da 14ª edição do Seminário Beagalê dialoga com as diretrizes do Plano Municipal de Leitura, Literatura, Livro e Bibliotecas de Belo Horizonte, sancionado em dezembro de 2023, que, entre outros pontos, inclui a garantia da acessibilidade de bibliotecas públicas e escolares a pessoas com deficiência, por meio da qualificação dos trabalhadores que atuam nesses espaços e da promoção de iniciativas relacionadas à promoção da leitura e da escrita.

Serviço

14º Seminário Beagalê

20 e 21 de maio, terça e quarta-feira
Local: Funarte MG (Rua Januária, 68 – Centro)
Programação gratuita
Inscrições pelo Google Forms

Gostou? Compartilhe!

[ COMENTÁRIOS ]

[ NEWSLETTER ]

Fique por dentro de tudo que acontece no cinema, teatro, tv, música e streaming!

[ RECOMENDADOS ]