fbpx
Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Aprenda a fazer risoto de ora-pro-nóbis com Caio Soter

Chef comandou o Alma Chef, participou de reality e agora lança curso online

Por Thiago Fonseca *

03/07/2020 às 10:21 | *Colaborador

Publicidade - Portal UAI
Foto: Luiza Bongir / Divulgação

Há dez anos Caio Soter viu sua vida mudar de rumo ao fazer um intercâmbio nos Estados Unidos. Por lá, trabalhou em um restaurante e aprendeu a cozinhar. Hoje, é chef de cozinha. Comandou o Alma chef por quase dois anos e até participou de reality show da Rede Globo de Televisão. Afeto e ingredientes brasileiros não faltam na cozinha de Caio.

“Sou advogado de formação. Lavava pratos no restaurante e ficava olhando os cozinheiros”, conta. De volta ao Brasil, Caio continuou a aprender mais sobre a culinária, mas ainda não sabia que iria ser sua profissão.

Produtor dry aged

“Tenho muita curiosidade. Fui aprendendo na prática com amigos e chefs”, revela. Sendo assim, enquanto a carreira na cozinha não era coisa profissional, seguiu como advogado tributarista. Foi em 2017 que entrou definitivamente no ramo da gastronomia. Não como chef, mas como produtor. Montou a Umami, umas das primeiras casas de dry aged de Minas (tipo de maturação a seco de carnes bovinas).

“Estava assistindo um documentário sobre o dry aged e queria experimentar. Mas não tinha ninguém no estado fazendo. Pesquisei, comprei uma geladeira, comecei a produzir e vender para restaurantes. Mas continuei no direito”, lembra.

Chef e professor 

No mesmo ano começou a participar de eventos em restaurantes e dar aulas sobre o processo de preparação da carne no Alma Chef. No início de 2019 foi convidado para ser chef da casa. Sendo assim, largou de vez a advocacia. Foi na mesma época que recebeu convite para participar do reality Mestre do Sabor.

“Minha projeção aumentou em 2019. Ganhei prêmio como chef revelação pela Revista Encontro e recebi a ligação para participar do programa. Achei legal e topei. Foi uma ótima experiência, um desafio grande e ganhei muitos seguidores nas redes”, conta. De 12 episódios, Caio chegou até o oitavo.

Depois da experiência e de sair do Alma Chef – que fechou há três semanas por conta da pandemia -, Caio trabalha na divulgação do curso Cozinha Afetiva com Técnicas de Chef. “Sempre gostei de dar aula e com a pandemia tivemos que migrar para o digital. No curso, em resumo, ensino pratos do dia a dia com toque especial”.

Clique aqui e se inscreva até o dia 17 de julho. Use o código CULTURADORIA20 e ganhe 20% de desconto.

Receita do Chef

Como sugestão de prato, Caio ensina um risoto de queijo canastra com ora-pro-nóbis. Segundo ele, uma receita com ingredientes típicos mineiros e deliciosa.

INGREDIENTES

– 500g de arroz carnaroli

– Uma cebola

– Azeite a gosto

– 2 dentes de alho

– 150ml de vinho branco seco

– 260g de queijo canastra curado

– 120g de manteiga

– Ora pro nóbis à gosto

– Limão capeta à gosto

MODO DE PREPARO

– Refogue o alho e a cebola cortada em uma panela aquecida com azeite. Acrescente o arroz e quando estiver bem torrado, despeje o vinho;

– Quando estiver quase seco, coloque caldo de legumes e mexa sem parar;

– Acerte o sal. Assim que o grão estiver ao dente comece a finalizar colocando o queijo, a ora pro nóbis e a manteiga;

– Desligue o fogo, misture até que o queijo e a manteiga derretam e fique homogêneo;

– Acerte o sal e a pimenta e adicione suco do limão à gosto;

– Finalize com pedações de ora-pro-nóbis crua e sirva.

 

Caio Soter – Foto: Débora Gabrich / Divulgação

photo

Aprenda a fazer fricassé de frango com Renato Quintino

“Cozinhar é uma forma de celebrar, de agregar as pessoas, comemorar e meditar”, conta Renato Quintino. Há décadas dedica a vida à arte da gastronomia. É professor, filósofo, historiador, criador, consultor, sommelier, artistas plástico, atleta e amante das artes. Inventar é palavra de ordem na cozinha dele. E dessas invenções surgiu o fricassé de frango […]

LEIA MAIS
photo

Festa junina: saiba onde pedir delivery de comidas típicas

Por incrível que pareça: você sabia que a origem da festa junina é de Portugal? Bom, mais uma coisa que herdamos e, claro, a partir das homenagens que eles faziam aos santos populares demos um super toque brasileiro. Os festejos juninos tomaram conta de nossos corações. Por aqui são realizadas nas igrejas, escolas e nas […]

LEIA MAIS
photo

Aprenda a fazer um prato português com o chef Cristóvão Laruça

Foi para encurtar a distância de casa que o português Cristóvão Laruça, de 39 anos, começou a cozinhar. Isso foi há 16 anos quando veio para o Brasil. Hoje, o ex-campeão de wakeboard e arquiteto, é dono de dois restaurantes em Belo Horizonte: o Caravela e Capitão Leitão. Se prepara para lançar o terceiro. Na […]

LEIA MAIS