Curadoria de informação sobre artes e espetáculos, por Carolina Braga

Apostas do Culturadoria entre as peças internacionais do FIT 2018

Por Carol Braga*

12/09/2018 às 09:07

Publicidade - Portal UAI
Foto: Elisa Mendes/Divulgação

Realizado pela primeira vez em setembro, o FIT-BH estreia trazendo muitas novidades e, sobretudo, apostas! Sim, pois grande parte da programação é composta por espetáculos fora dos eixos tradicionais. Ou seja, esta edição promete. Para te ajudar a escolher, compartilhamos com você a nossa lista de espetáculos internacionais. São nossas apostas!

 

Foto: Loderndes Leuchten / Divulgação

Arde brillante en los bosques de la noche

Só de saber que a peça é da Argentina já é animador. Isso porque a produção do país costuma apresentar maturidade de dramaturgia e encenação. Essa montagem mistura bonecos, teatro convencional e cinema. Fala sobre construção de identidade feminina ao discutir questões históricas complexas tipo Revolução Russa, Capitalismo. Segundo a crítica publicada no diário Clarin, a peça questiona se o comunismo teria operado da mesma forma diante da dilatação da discussão sobre gênero e da mulher empoderada. No mínimo, provocação interessante!

[O QUE] FIT – ESPETÁCULO ‘ARDE BRILLANTE EN LOS BOSQUES DE LA NOCHE’ [QUANDO] 14 de setembro, às 20h e 15 de setembro, às 20h [ONDE] Teatro Francisco Nunes [QUANTO] R$ 20

[COMPRE AQUI]

 

Um museu vivo de memórias pequenas.
Foto: TUNA TdV / Divulgação

Um museu vivo de memórias pequenas e esquecidas

Antes de mais nada, vale o alerta: essa peça tem cinco horas e meia de duração. Com pausas, claro, inclusive a oferta de um jantar no meio que dura 45 minutos. Sim, para os fortes, veteranos de Fit. A peça também promete ser bastante provocadora. É portuguesa e discute justamente a fama que Portugal tem de ter sido um colonizador fraterno. Diante de tanto extrativismo que nossa história registrou, será isso possível? A montagem é descrita como “espetáculo-reconstituição”. Outro detalhe curioso: é um monólogo, tá. Concepção, pesquisa, texto, direção e interpretação de Joana Craveiro. Essa gosta de desafios!

[O QUE] FIT – ‘ESPETÁCULO UM MUSEU VIVO DE MEMÓRIAS PEQUENAS E ESQUECIDAS’ [QUANDO] 14 de setembro, às 19h e 15 de setembro, às 15h [ONDE] Teatro Marília [QUANTO] R$ 20

[COMPRE AQUI]

 

Foto: Elisa Mendes / Divulgação

Black Off

Talvez este seja um dos poucos espetáculos que temos referência em todo o conjunto selecionado pela curadoria. Black Off foi uma das peças mais faladas da edição da MitSP de 2017. É protagonizado pela performer Ntando Cele que propõe uma inversão. Ao invés de blackface, ela faz uma whiteface, ou seja, pinta o rosto de branco para ativar reflexões sobre o racismo, a humanindade. Enfim, provoca. Quando se apresentou na MitSP, Miguel Arcanjo Prado disse ser “uma peça mais que necessária e pungente”.

[O QUE] FIT – ESPETÁCULO ‘BLACK OFF’ [QUANDO] 15 de setembro, às 21h e 16 de setembro, às 18h [ONDE] Teatro Sesiminas [QUANTO] R$ 20

[COMPRE AQUI]

 

Continua após a publicidade...

 

Foto: Compañia Bonobo / Divulgação

Donde viven los bárbaros

“Uma obra inteligente”. É assim que o crítico o jornal chileno El Mostrador define o espetáculo com texto de Pablo Manzi. Aliás, o texto analítico é puro elogios. Manzi é uma das revelações da jovem dramaturgia chilena chamado, inclusive, de “pequeno fenômeno teatral”. A trama da peça é cheia de mistério e envolve um homicídio. Parece haver um equilíbrio entre um texto inteligente e um elenco que sustenta.

[O QUE] FIT – ‘ESPETÁCULO DONDE VIVEN LOS BÁRBAROS’ [QUANDO] 19 de setembro, às 19h30 e 20 de setembro, às 20h [ONDE] Cine Theatro Brasil Vallourec [QUANTO] R$ 20

[COMPRE AQUI]

 

Foto: Loderndes Leuchten / Divulgação

Eve

Perto de tantos nomes desconhecidos, Jo Clifford é até veterana no FIT. Isso porque em 2016 apresentou no Museu Mineiro o polêmico monólogo em que interpreta Jesus como mulher. Para lembrar, Jo é uma atriz trans. Ela é escocesa e, desta vez, conta a história de uma criança que foi criada como menino mas que sempre se sentiu menina. Parece ser a história dela, o que promete ser um momento interessante para refletir sobre autoconhecimento.

[O QUE] FIT – ESPETÁCULO ‘EVE’ [QUANDO] 20 de setembro, às 19h e 21 de setembro, às 19h [ONDE] Teatro Marília – Av. Prof. Alfredo Balena, 586, Santa Efigênia – BH [QUANTO] R$ 20

[COMPRE AQUI]

 

Foto divulgada por FITBH

 

Unwanted

Em um Fit muito permeado por muitas linguagens, sobretudo a performance e a dança, Unwanted transita por aí. O trabalho da ruandesa Dorothée Munyaneza leva para o corpo toda a pesquisa que ela fez ao ouvir mulheres de Ruanda sobre a triste – e violenta – experiência do estupro. Em 1994 as mulheres eram estupradas em Ruanda como arma de guerra durante o genocídio dos Tutsis. Esse deve ser forte!

[O QUE] FIT – ‘ESPETÁCULO UNWANTED’ [QUANDO] 21 de setembro, às 21h e 22 de setembro, às 21h [ONDE] Teatro do Centro Cultural Minas Tênis Clube [QUANTO] R$ 20

[COMPRE AQUI]

 

Continua após a publicidade...

photo

Culturadoria com as dicas para o seu fim de semana: 23 de fevereiro

A Campanha de Popularização se aproxima do fim e deixou por último algumas de suas atrações mais legais. Culturadoria destaca também a estreia de Paul Thomas Anderson no cinema e dá dica de uma atração para quem gosta de música indie.   Mimulus Cia de Dança Quem nos dera que a Mimulus Cia de Dança […]

LEIA MAIS
photo

Culturadoria com as dicas para o seu fim de semana: 10 de agosto

  Vamp Se você foi fã da novela, dificilmente não vai curtir este musical. A turma é praticamente a mesma. Entre os 32 atores que fazem parte da montagem estão Claudia Ohana e Ney Latorraca. Ou seja, Natasha e Vlad. É uma montagem grandiosa, com 350 figurinos, 13 cenários. A trilha sonora tem várias músicas […]

LEIA MAIS
photo

Tem cinema de graça e de qualidade no Sesc Palladium até o fim de fevereiro

Demorei um pouco para me dar conta de que a programação da Mostra de cinema Nacional em cartaz no Sesc de Belo Horizonte merece um pouco mais da nossa atenção. É que serão exibidas produções que tiveram carreira bem sucedida por festivais, entraram em cartaz e, como é comum, são filmes de baixa performance comercial. […]

LEIA MAIS