Apresentação de Liniker e os Caramelows no Sesc Palladium em BH. Crédito: Thiago Santos
14 abr 2017

Liniker e os Caramelows rompem limites de palco e plateia em passagem por BH

Apresentação de Liniker e os Caramelows no Sesc Palladium em BH. Crédito: Thiago Santos

Tainá Silveira sob a supervisão de Carolina Braga

No saguão principal, poucas horas antes do início do show, personalidades rompiam as barreiras de gênero e do que a moda diz ser bonito de vestir. Galocha com bermuda jeans, cabelos raspados e coloridos, vestidos longos com tênis e transparências. Ali estava o público de Liniker e os Caramelows que, desde sua formação, trazem libertação e empoderamento ao cenário da MPB.

Depois de uma abertura “baphônica” com a música Remonta, os 1321 acentos Grande Teatro do Sesc Palladium foram pouco para as personalidades performáticas da banda. Uma quinta-feira (13/04) que não foi nada santa! 😉

A paulista Liniker fez questão de convidar o público a ignorar a tradicional relação entre os artistas e a plateia. Os fãs enlouquecidos, que não paravam de gritar desde que a cantora apareceu, abandonaram seus acentos, atendendo sem recusa. Com muitas brincadeiras e bom humor, a banda marcou presença em BH.

“Eu fiquei sabendo que tem dois corredores aqui!”, brincou Liniker com o apoio de Renata Éssis (backing vocal). O pedido deles era incomum: que os corredores fossem liberados para se transformar em passarela. Durante a apresentação de Pregador de Varal, as duas cantoras correram por ele, indo e voltando, seguidos por fãs contaminados pelo ritmo da dança.

Os corredores do Sesc Palladium em BH foram ocupados por Liniker e cia. Crédito: Rafael Meijón

Animação

Em conversa com o público, a backing vocal Renata Essis, perguntou se os casais estavam curtindo, e com a absoluta afirmativa do público, ela anunciou que agora o momento era outro. Por que segundo ela, nem só de pão e amor vive o homem, “sarrar” também é essencial. Depois disso, as músicas mais animadas do grupo tomaram conta e a banda rebolou até o chão.

Em 90 minutos de show, Liniker e os Caramelows tocaram as músicas do primeiro CD. O álbum Remonta, que conta com forte influencia de blues e soul music, tem 13 faixas todas executadas com maestria. Além delas o grupo tocou quatro inéditas. Uma delas foi Pra ela, que Liniker compôs para a mãe e dedicou, no show, à todas as manas que resistem, “apenas” por serem mulheres.

Liniker e a banda formada por Rafael Barone (baixo), William Zaharanszki (guitarra), Pericles Zuanon (bateria), Márcio Bortoloti (trompete) e Renata Éssis (backing vocal), e os convidados Fernando TRZ (teclados), Marja Nehme (percussão) e Eder Araújo (saxofone), encerraram o show com um bis de Louise du Brésil, com direito a duas pessoas da plateia, convidadas por eles, dançando no palco.

 

Gostou? Compartilhe!

Artigos Relacionados

Claudia Manzo: cantora ‘brachilena’ que é puro borogodó

A cantora chilena Claudia Manzo tem um borogodó que nem ela sabe explicar. Diz já ter nascido com ele. Só deixa sair. O talento musical e esse gingado estão com ela desde a infância. Hoje, aos 32 anos, é sucesso na cena musical belo-horizontina. Na capital mineira fundou bloco de carnaval, lançou carreira solo, integra uma […]

Leia Mais

Sarará e Sensacional se unem e trazem Criolo, Mallu Magalhães, Johnny Hooker e outras 20 atrações

Criolo, Emicida, Mallu Magalhães, Maria Gadu, Johnny Hooker, Gloria Groove e outras 17 atrações musicais se apresentarão juntas em BH. O evento está marcado para o dia 18 de agosto na Esplanada do Mineirão com ingressos a 25 reais. O line up surge da junção dos dois grandes festivais da capital mineira o Sarará e […]

Leia Mais

Rodeada de mulheres, Julia Branco, de Todos os Caetanos, chega ao primeiro disco solo

Mariana Peixoto* Júlia Carreira solo como cantora ok, mas compositora também? Esta foi a proposta que Julia Branco, cantora do grupo Todos os Caetanos do Mundo, recebeu do produtor Chico Neves. “Ele queria que eu gravasse uma afirmação do meu lugar de compositora, coisa que nos Caetanos era meio tímida”, comenta ela. Dessa forma, o […]

Leia Mais