Ator Leonardo Fernandes é indicado APCA por atuação em Cachorro Enterrado Vivo

O ator Leo Fernandes na peça Cachorro enterrado vivo. Credito: Lia Rodrigues

O ator Leo Fernandes na peça Cachorro enterrado vivo. Credito: Lia Rodrigues

Teve gente que tentou impedir a estreia do espetáculo porque acreditou piamente que se tratava de algo que maltratava animais. Esse foi apenas um dos desafios que o ator Leonardo Fernandes enfrentou até a estreia de Cachorro enterrado vivo na Sala João Ceschiatti de maneira totalmente independente em abril de 2015.

Nada como um dia após o outro.

Leo Fernandes é um dos indicados ao prêmio de melhor ator entregue da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA). Muito merecido. O espetáculo tem direção de Marcelo Fonseca. É o primeiro solo da carreira do ator.

Antes fez ‘Flicts’, com direção de Wilson Oliveira, ‘O que você foi quando era criança?‘ e ‘Inverno‘, ambas com direção de Rita Clemente, além de ‘Horácio‘, de Carlos Gradim, dentre outras peças.

Inflamação nos ombros e no punho foram apenas alguns dos tantos desafios físicos que enfrentou ao longo do processo. Tudo tinha uma razão: Leo Fernandes precisava levar o texto de Daniela Pereira de Carvalho para o palco. Foi feito para ele. Defendido por ele que agora é reconhecido por toda entrega.

Também foram indicados na mesma categoria Bruce Gomlevsky (Uma Ilíada), Eric Lenate (Fim de Partida), Rodrigo Bolzan (Projeto Brasil), Flavio Bauraqui (Cartola) e Ney Piacentini (Espelhos).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.